Novo projeto para a torre Eiffel está em estudo e o objetivo é tornar o acesso mais confortável, reduzir número de turistas e aumentar a receita.

Com 128 anos, a torre Eiffel se encontra em situação delicada. Ela precisa aumentar as receitas sem aumentar o número de visitantes. O monumento mais visitado de Paris chegou a 7 milhões de visitas por ano.

Torre Eiffel e seu anjinho protetor

Como aumentar a receita sem ultrapassar esta capacidade limite? Ou, melhor ainda, aumentar a receita e reduzir o número de visitantes? Como reformular o modelo econômico da torre, como tornar a visita do monumento um momento de prazer sem stress, como tornar a torre um ícone com toda a majestade que ela merece?

Apesar de não possuir mais o título da torre mais alta do mundo, ela detém ainda o da torre mais frequentada do universo.

A torre procura, neste momento, um novo modo operacional.

Uma solução em análise seria aumentar o preço do ticket, e isto a partir de novembro 2017. Em comparação com outros monumentos a torre é barata. O ticket do Empire State Building é 48 euros; 25 euros para London Eye; o ticket mais caro da Eiffel é 17 euros.

Outra proposta seria aumentar o tempo de visita e os gastos com bebidas, sanduíches e lembrancinhas.

Hoje existe a arte de reter o turista, de segurá-lo o tempo necessário para que ele consuma.

Torre Eiffel durante passeio de bike por Paris

Todo o acesso à torre será pensado a partir das estações de metrô. Várias opções estão em estudo. Por que não um acesso subterrâneo protegido da chuva e do frio? Este acesso no subsolo poderia ter lojas, casas de chá, sorveterias e uma butique/museu. O mesmo projeto prevê desenvolver lembrancinhas bonitas e design. Uma marca Torre Eiffel de alta qualidade seria criada.

A concorrência será difícil! A torre Eiffel caiu no domínio público em 1993, setenta anos após a morte de Gustave Eiffel. A utilização da sua imagem é livre de direitos. Consequência, o monumento não ganha nada em copyright. Na área souvenirs de Paris, a torre é a mais vendida: chaveiros, bolas de neve, minitorres são vendidas por camelôs assim como centenas de lojas espalhadas pela cidade.

Sem dúvida alguma a torre Eiffel precisa reformular seu acesso e o percurso da visita. O assunto, sob o prisma da segurança, já está em discussão há alguns meses (leia aqui). A direção aproveita as modificações necessárias para proteção contra atentados e revê totalmente o modelo atual.

Aguardamos com interesse o resultado.

Clique aqui e leia nosso infográfico contando a história, dados, fatos curiosos e dicas sobre a torre Eiffel.

Para obter informações sobre o passeio noturno de bike por Paris com brinde de champanhe em frente à torre Eiffel, clique aqui.


Novo projeto para a torre Eiffel

O guia do Conexão Paris 5 Roteiros em 4 Dias é ideal tanto para quem está indo pela primeira vez a Paris, quanto para aqueles que já visitaram a cidade e desejam descobrir os segredos dos parisienses. São cinco roteiros exclusivos que podem ser percorridos em, no mínimo, quatro dias. À venda no site Minha Viagem Paris,

 

 


A Travel Wifi aluga dispositivos portáteis que fornecem conexão wifi e também vende chips para celular que funcionam na França e Europa.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.