O Museu do Louvre, assim como a Torre Eiffel, é um dos principais símbolos de Paris e é parada obrigatória para todo turista. Mas não é fácil se orientar dentro do Louvre. Por isso, preparamos esse post com todas as informações para você fazer uma visita perfeita ao Museu do Louvre.

Museu do Louvre: como planejar sua visita

Você já deve saber, mas não custa lembrar: o museu do Louvre é imenso. Alguns números ajudam a ter uma idéia da dimensão do museu:

  • O Louvre é o maior museu de arte do mundo, com um acervo total de 554.731 obras.
  • Deste total, cerca de 38 mil obras estão expostas, numa área de  72.735 m².
  • Se você fosse passar 30 segundos em frente a cada obra, levaria 100 dias para percorrer todo o museu.

Além de imenso, o museu está sempre lotado. Em 2019, o Louvre recebeu 9.6 milhões de visitantes!

Museu do Louvre: a Vitória de Samotrácia e a multidão.

Museu do Louvre: a Vitória de Samotrácia e a multidão. Foto de Thomas Ulrich do Pixabay

Mas não se desespere. Visitar o Louvre pode não ser fácil, mas vale muito a pena — afinal, não é sempre que você tem chance de ver, debaixo de um único teto, algumas das principais obras-primas da humanidade.

A dica é: planeje com antecedência seu percurso! E não tente ver o máximo de obras possível. Senão, você sairá de lá exausto, frustrado e confuso.

Abaixo, você vai encontrar todas as informações necessárias para planejar sua visita ao Louvre.

Museu do Louvre é dividido em Alas e Departamentos

Museu do Louvre, sala de esculturas. © Museu do Louvre / Michel Denance

  • Museu do Louvre: Departamentos e alas

As obras expostas no Museu do Louvre datam da Pré-História ao século 21, e estão divididas em oito departamentos:

  1. Antiguidade oriental
  2. Egito
  3. Gregos, etruscos e romanos
  4. Arte do Islã
  5. Esculturas
  6. Objetos de arte
  7. Pintura
  8. Artes gráficas.

Esses oito departamentos estão distribuídos por três alas, chamadas Denon, Sully e Richelieu

  • O Mapa do Museu do Louvre

O primeiro passo é baixar o mapa oficial do Museu do Louvre, em espanhol ou em inglês. Além de todas as informações práticas, o mapa dá uma ideia das principais obras expostas em cada uma das alas.

Museu do Louvre: o que ver?

Se essa é sua primeira visita ao Museu do Louvre, a dica é: veja “apenas” as principais obras primas do museu

Quanto tempo é necessário para ver as principais obras do Museu do Louvre? 

Você vai gastar entre 1h30 e 4h. Tudo depende do tipo de experiência que você quer ter e do quanto quer gastar. Abaixo, listamos 3 opções de visita.

Detalhe importantíssimo: em todas as três opções abaixo, você precisa comprar seu ingresso com antecedência. Clique aqui para comprar seu ingresso antecipado para o Museu do Louvre com 5% de desconto, use o código 5CONEXAO.

Compre seu ingresso

1. Roteiro livre por 6 obras-primas

Duração da visita: 1h30 | Valor: apenas o custo do ingresso | Sem guia 

Como o Louvre é imenso, fizemos uma seleção de 06 principais obras para quem não quer gastar mais do que 1 hora e meia

    • Vênus de Milo: rez de chaussée (térreo), ala Sully, sala n° 7, no departamento gregos, etruscos e romanos.
    • Egito – a vida cotidiana e as múmias: rez de chaussée, ala Sully, (várias salas) departamento Egito.
    • Os escravos de Michelangelo: rez de chaussée, ala Denon, sala 4, departamento escultura italiana.
    • Vitória de Samotrácia: 1° andar, ala Denon, departamento escultura grega, depois do controle da entrada pegar escada da esquerda.
    • Mona Lisa – Leonardo da Vinci: 1° andar, ala Denon, sala 6, departamento pinturas italianas.
    • La Dentellière – Vermeer: 2° andar, ala Richelieu, sala 38, departamento pinturas holandesas.

Essas são também as obras mais visitadas. Neste caso, localize as obras acima no mapa oficial do museu, e encontre as respectivas salas.

Compre seu ingresso

Museu do Louvre, principais obras do museu.

Museu do Louvre, principal obra do museu, Mona Lisa. © Musée du Louvre / Antoine Mongodin

2. Guia PDF com roteiro por 18 obras-primas 

Duração da visita: até 3h | Valor: 10,80 euros + o custo do ingresso | Com guia em PDF 

Se você está na correria, 1h30 é melhor do que nada. Mas se você tem um tempinho a mais, preparamos para você um guia prático que irá guiá-lo pelas principais obras-primas do Museu do Louvre, em até 3 horas. Sem dúvida alguma, será uma experiência infinitamente mais rica.

O guia O Essencial do Museu do Louvre foi escrito pela arte-educadora e doutora em turismo Patricia Camargo, e editado pelo Conexão Paris. Com ele, além de passar por 18 obras-primas essenciais do museu, você vai entender justamente porque essas são algumas das principais obras da humanidade. Além disso, você vai descobrir três movimentos que marcaram a história da arte: o Renascimento, o Neoclassicismo e o Romantismo.

Com linguagem fácil, o guia pode ser lido antes ou durante a sua visita. 

O guia inclui:

  • um circuito, indicado em um mapa, passando pelas 18 principais obras do Louvre;
  • breve explicação sobre tudo que você precisa saber sobre cada uma das obras;
  • informações práticas sobre o museu;
  • curiosidades sobre o Louvre.

Preço do guia: 10,80 euros. Clique aqui para comprar seu guia O Essencial do Museu do Louvre em pdf.

Obs.: o valor do guia não inclui o ingresso.

Compre seu ingresso

3. Uma visita ao Louvre com guia brasileira 

Duração da visita: 4h | Valor: 71 euros  por pessoa + o custo do ingresso | Com acompanhamento de guia brasileira 

Se você não quer ter nenhuma dor de cabeça, com fila ou em procurar pelas obras nas salas, a dica é: faça a visita ao museu do Louvre com a guia conferencista brasileira Zildinha Figueiredo. Neste caso, basta reservar seu lugar (envie email para visiteparisape@gmail.com), comprar seus ingressos e comparecer no dia da vista.

No vídeo abaixo, descubra um pouco do que você vai ver durante uma visita guiada com a Zildinha:

As visitas ocorrem em grupos de até 12 pessoas, sempre em português.

    • Duração: de 3h30 a 4 horas.
    • Dias: segundas-feiras, às 9h45 e quartas e sextas feiras às 16h45.
    • Valor para os leitores do Conexão Paris: 75€ por pessoa. Mas Zildinha oferece 4 euros de desconto para os leitores do Conexão Paris. Ou seja, 71 euros por pessoa. O valor não inclui o ingresso.

Para reservar sua visita guiada, envie um email para a Zildinha no visiteparisape@gmail.com

Obs.: o valor da visita não inclui o ingresso.

Compre seu ingresso

Museu do Louvre: Horários de funcionamento

O Museu do Louvre está fechado às terças. Nos demais dias, os horários de funcionamento são:

    • Segunda: 9:00 – 18:00
    • Terça: fechado
    • Quarta: 9:00 – 21:45
    • Quinta: 9:00 – 18:00
    • Sexta: 9:00 – 21:45
    • Sábado: 9:00 – 18:00 (até às 21:45 aos primeiros sábados de cada mês)
    • Domingo: 9:00 – 18:00

Além das terças feiras, o Museu do Louvre está fechado nos seguintes dias feriados: 1° de janeiro, 1° de maio e 25 de dezembro.

Qual é o melhor dia e horário para visitar o Museu do Louvre?

Sem dúvida alguma, indicamos as visitas noturnas às quartas e sextas, após as 18h. Nesse momento, os grupos já se retiraram e a maioria dos turistas já estão instalados nas mesas dos cafés e bistrôs — ou seja, você poderá apreciar as obras com calma, sem a multidão que toma conta das salas durante o dia. 

Museu do Louvre: as visitas noturnas atraem menos gente!

Museu do Louvre: as visitas noturnas atraem menos gente!

Museu do Louvre: ingressos, passes e tickets.

Atenção, antes de ir ao Museu do Louvre, você precisa comprar o seu ingresso. Mas qual tipo de ingresso comprar? Depende. Veja abaixo as duas opções:

  •  Ingresso individual

O mais comum (e geralmente, o que mais vale a pena) é comprar o ingresso individual do Museu do Louvre. Você deverá obrigatoriamente escolher o dia e o horário da visita, o que geralmente garante a entrada sem filas.

Neste caso, recomendamos a compra no site do nosso parceiro Tiqets. Além de baixar o ingresso no seu celular, a Tiqets oferece atendimento ao cliente 24 horas (e nós do Conexão Paris ficamos felizes pois recebemos uma pequena comissão e nos ajuda a remunerar o nosso trabalho 

O preço da entrada ao Louvre é de 17 euros por pessoa. Com a taxa de reserva, o valor sai por 20 euros. Mas o leitor do Conexão Paris pode usar o código 5CONEXAO e ganhar 5% de desconto (para compras até 30/04/20)!

Ingresso: Compre aqui seu ingresso com acesso prioritário para o Museu do Louvre. Use o código 5CONEXAO e ganhe 5% de desconto.

  •  Museum Pass

O Museum Pass é um bilhete único que dá acesso a mais de 60 museus e monumentos. Ele é vendido para 2, 4 ou 6 dias e custa 52, 66 ou 78 euros, respectivamente. Seu uso deve ser consecutivo, não pode pular um dia. O passe vale a pena apenas se o turista deseja conhecer o maior número possível de museus e monumentos. Mas se quiser flanar, visitar Paris com calma, degustar vinhos e conhecer a gastronomia francesa não vale a pena comprar o passe. Seu preço elevado exige uma organização rígida que impede uma vivência mais solta da cidade. 

Para entender mais sobre o Museum Mass, leia o post Museum Pass: museus e monumentos.

Museu do Louvre: quando a visita é gratuita?

A visita ao Museu do Louvre é gratuita em 5 situações:

    • para os menores de 18 anos (necessário mostrar identidade).
    • para todos no primeiro sábado de cada mês, das 18h00 até às 21h45. É só entrar na fila na Pirâmide ou no Carrossel (o shopping subterrâneo cuja entrada fica no 99 rue de Rivoli). O ponto negativo é que, nesses dias, o museu costuma ficar ainda mais cheio. Nos sábados gratuitos acontecem também atividades especiais, para elas é preciso fazer reserva cerca de 15 dias antes, clique aqui.
    • para jovens de 18 à 25 anos, de qualquer nacionalidade, residentes nos países do Espaço Econômico Europeu (necessário mostrar comprovante de residência).
    • para jovens de 18 à 25 anos, de todas as nacionalidades, na visita noturna da sexta feira, a partir das 18h (necessário mostrar identidade).
    • gratuito para todos no feriado do dia 14 de julho.
Museu do Louvre e sua Pirâmide

Museu do Louvre, esplanada da Pirâmide. © Musée du Louvre / Olivier Ouadah

Museu do Louvre: localização

  • Onde fica o Louvre?

O Museu do Louvre se encontra no centro da cidade, às margens do rio Sena, no 1˚ arrondissement.

Endereço: Rue de Rivoli, 75001 Paris, França

  • Como chegar ao Museu do Louvre? 

É muito fácil:

    • Museu do Louvre: a pé

Paris é pequena e plana e se o turista estiver hospedado nos bairros centrais como o 75001, 75002, 75004, 75005, 75006 poderá ir a pé. Basta verificar a distância no mapa e tomar a decisão. Eu moro no limite entre o 75001 e o 75009 e sempre vou a pé ao até o Louvre.

    • Museu do Louvre: estações de metrô mais próximas

Palais-Royal Musée du Louvre (linhas 1 e 7) ou Pyramides (linha 14)

    • Museu do Louvre: linhas de ônibus

Eu prefiro pegar o ônibus em Paris do que o metrô. O preço é o mesmo, mas circulamos por Paris na superfície, descobrindo a cidade. Às vezes pego um ônibus só para dar uma volta e ver a paisagem, um verdadeiro tour turístico, e pago apenas o preço de um ticket de metrô 1,90 euros (2 euros se você comprar o ticket com o motorista). Vale a pena, não? Anote o número dos ônibus que passam no Louvre: 21, 24, 27, 39, 48, 68, 69, 72, 81, 95.

Museu do Louvre: Infográfico

Para ajudar a entender um pouco mais sobre o Museu do Louvre, preparamos um infográfico com um pouco da sua história e algumas curiosidades:

Veja nossos infográficos dos principais pontos turísticos de Paris.

Museu do Louvre: por onde entrar?

  • Se você chegar ao Louvre a pé: 

Existem 2 entradas que permitem o acesso ao museu do Louvre. São elas:

    1. A Pirâmide é a principal entrada do Louvre e a fila diante do controle de segurança pode ser imensa. Se quiser evitar a fila — e o tumulto diante das principais obras — escolha os horários noturnos indicados acima.
    2. A segunda entrada do Louvre fica no número 99 da rue de Rivoli. Trata-se do centro comercial Le Carrousel du Louvre que se encontra no interior do museu. Após a entrada, o visitante irá descer as escadas rolantes até o nível da Pirâmide invertida. Nesse nível, você irá passar pelo controle de segurança do museu, pelas lojinhas e chegará no espaço principal onde ficam os guichês, o balcão de  informação, o vestiário e as escadas rolantes que levam os visitantes para as três diferentes alas.
Museu do Louvre, espaço da pirâmide invertida

A Pirâmide Invertida do Museu do Louvre

Qual das duas entradas do Louvre é melhor? Nós nunca entramos pela entrada principal, a grande Pirâmide. Achamos mais confortável, sobretudo quando está muito frio ou chovendo, passar pelo Carrousel du Louvre. Esta entrada é sempre mais vazia, os turistas conhecem sobretudo a entrada principal.

  • Se você chegar de metrô:

Desça na estação Palais Royal – Museu do Louvre, atravesse a rua Rivoli e pegue a passagem Richelieu. Você sairá na esplanada da Pirâmide e entrará no museu pela entrada principal — a própria Pirâmide. Se quiser pegar a segunda entrada indicada acima, caminhe até o número 99 da Rue de Rivoli.

Se você chegar a pé pelas margens do Sena, poderá escolher entre 3 passagens:

  • a primeira se encontra diante da ponte Pont des Arts
  • a segunda diante da ponte do Carrousel
  • a terceira se chama Porte des Lions, à esquerda da ponte do Carrousel.

Clique aqui para ver vídeo com as entradas e passagens do Louvre

Quais outras atrações combinar junto com o museu do Louvre?

Como o museu do Louvre se encontra no coração de Paris, você pode combiná-lo com outros passeios pela cidade.  Para idéias de roteiros por Paris, veja nosso guia best-seller Paris, cinco roteiros em quatro dias.

Abaixo, listamos o que pode ser visto nos arredores do Museu do Louvre:

  • A Pirâmide do Louvre

Mesmo que você decida entrar no museu do Louvre pela entrada 2 (ver acima), não deixe em hipótese algumas de ver  pirâmide, que  é considerada, hoje, uma das principais obras do museu. O objetivo do projeto inicial era apenas criar uma entrada que fosse mais confortável para o público e que facilitasse, para a administração do museu, o gerenciamento do fluxo de visitantes. Mas essa nova entrada acabou se tornando uma das obras mais visitadas do Louvre. Fato curioso: o número de turistas que chega até à Pirâmide, tira uma selfie, e segue seu caminho é maior do que o número de visitantes que se interessam pelo deslumbrante acervo do museu. O que é uma pena! 

Saiba mais no post A Pirâmide do Museu do Louvre e não deixe de ver nosso vídeo em homenagem à Pirâmide abaixo.

  • Os Jardim Tuileries

O Jardim Tuileries, ou Jardin des Tuileries, que faz parte do domínio do Louvre, é o maior e o mais antigo jardim público de Paris. Este jardim está na lista dos lugares imperdíveis da cidade tanto pela sua localização como pelo seu acervo. Tuileries é um verdadeiro museu de esculturas. O visitante pode admirar mais de 200 estátuas e vasos de grande valor artístico indo do século 17 ao século 21. 

Quando organizar sua visita ao Louvre inclua também um passeio pelos 23 hectares do Tuileries. Admire os maravilhosos canteiros de flores e, se for romântico, tire uma foto diante do antigo carrossel. Para terminar bem o roteiro, tome uma taça de vinho ou um simples cafezinho em um dos quatro cafés do Tuileries.

  • A Avenida Champs Élysées

Você pode combinar a visita o Museu do Louvre com a visita à Champs Élysées. Ao descer a principal avenida de Paris, você irá atravessar a praça Concorde até o Jardim Tuileries. Ao entrar no jardim, já estará no interior do Domínio do Louvre, pois o Tuileries pertence ao museu. Siga até o fim do jardim, e verá o pequeno arco, chamado Carrousel do Louvre, e logo em seguida a famosa Pirâmide, a principal entrada do museu. 

Museu do Louvre: restaurantes e lanchonetes

Como o museu é imenso, há vários restaurantes e lanchonetes em todos os seus oito departamentos. 

  •  Nossos restaurantes e lanchonetes preferidos do Museu Louvre:

    • Le Café Richelieu/Angelina – O famoso Angelina possui um salão de chá no Louvre. Lá podemos fazer um lanche ou almoço leve. Onde: no primeiro andar da Ala Richelieu, entre os apartamentos de Napoleão III e as salas dos objetos de arte. 
    • A varanda do Café Mollien – Quando o tempo permite, a varanda do Café Mollien nos oferece uma vista linda da pirâmide e do Jardim do Carrousel. Outra qualidade do Mollien, ele está ao lado da Joconde. Onde: no primeiro andar da Ala Denon, no alto das escadas Mollien. 
    • Café Marly – O famoso Café Marly está situado ao lado da Pirâmide, sob as arcadas do Louvre. Indicamos o Marly para um aperitivo após a visita do museu.
  • Restaurantes favoritos perto do Museu do Louvre:

Citamos alguns bons restaurantes perto do Louvre para que o programa fique completo e perfeito. Os vinhos e a gastronomia francesa se harmonizam com perfeição ao mais importante museu do mundo. Os restaurantes abaixo foram testados e aprovados.

Museu do Louvre, restaurantes

Museu do Louvre, restaurante perto do Louvre – Loulou

    • Brasserie Du Louvre by Bocuse – A Brasserie du Louvre está ao lado do Louvre, basta atravessar a rue de Rivoli. Ela foi inaugurada em 2019 e é a primeira brasserie do grupo Bocuse em Paris. A Brasserie du Louvre é o restaurante do Hotel du Louvre que acabou se ser inteiramente reformado. O que pedir? Sopa de cebola gratinada (soupe à l’oignon gratiné) e frango caipira com molho de creme e cogumelos (poulet de Bresse à la crème et aux champignons). De sobremesa crème brulée ou meringue glacée au chocolat. Endereço: 1 Place du Palais Royal.
    • Loulou – Endereço jovem, chic, decoração bonita, clientela elegante. O Loulou está dentro do prédio do Louvre, com entrada pela rua Rivoli. Seu grande segredo é a varanda instalada no jardim Tuileries com vista para a torre Eiffel. O que pedir? Vitelo Tonato que é carpaccio de vitelo com molho de atum e a costeleta de vitelo à milanesa. Endereço: 107 rue de Rivoli.

Veja outros restaurantes que indicamos no post 10 bons restaurantes perto do Museu do Louvre

Lembrancinhas, Lojas e Livrarias

Ninguém sai do museu sem uma lembrancinha do Louvre. E o que não faltam são lojas com propostas para todos os bolsos. Abaixo da grande Pirâmide, na ala que liga o Louvre ao seu centro comercial Le Carrousel du Louvre, se encontram as lojas de lembrancinhas e as livrarias do museu. Reserve um bom momento para ver tudo. Assim, você pode escolher entre um chaveiro ou uma obra de arte, entre um marca-página ou uma jóia, entre uma agenda ou um belo livro de arte.

Se quiser aproveitar para ir às compras, o centro comercial Le Carrousel du Louvre tem as seguintes marcas presentes: Caudalie, Fragonard, Delfonics, Kusmi Tea, Lacoste, Lancel, L’Occitane, entre outras.  E restaurantes e lanchonetes como Starbucks e Mc Donald’s. E, não muito longe, se encontram as Galeries Lafayette, a loja de departamentos ícone de Paris. Antes de ir até lá, não deixe de baixar o voucher que dá direito a presentes para os leitores do Conexão Paris

Museus do Louvre em outras cidades:

  • Museu do Louvre Lens

Talvez você não saiba, na França existem dois Museus do Louvre: o de Paris é mundialmente conhecido, mas o da cidade de Lens é um ilustre desconhecido que merece ser descoberto. Aqui não cabe a questão qual dos dois conhecer, o de Paris claro! Mas, na sua quarta ou quinta viagem, pense em um bate e volta até a cidade de Lens. O Museu Louvre Lens é deslumbrante. Para que a viagem seja prazerosa em todos os sentidos você pode associar cultura e gastronomia. Diante do Louvre Lens se encontra o restaurante do chef estrelado Marc Meurin. Paris/Lens é um belíssimo bate e volta para aqueles que querem sair dos roteiros tradicionais. Nós já fizemos esse passeio e aconselhamos a leitura do nosso artigo (clique aqui). 

  • Museu do Louvre em Abou Dhabi

O Louvre de Abou Dhabi é o resultado de um acordo histórico entre a França e os Emirados Árabes Unidos. O acordo estabeleceu a construção de um museu universal com o nome de Louvre Abou Dhabi e o papel da França foi de formação das coleções, das equipes e da sinalética.

Clique no banner abaixo para comprar ingressos para outros museus, monumentos e atrações em Paris, França e Europa. Use o código 5CONEXAO e ganhe 5% de desconto.

O Museu do Louvre de Paris

 


A Travelwifi aluga dispositivos portáteis que fornecem conexão wifi e também vende chips para celular que funcionam na França e Europa.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.