Típicas da metade do século XIX, as passagens cobertas protegiam os pedestres da chuva, dos cavalos e das carruagens numa época que os passeios não existiam ainda. A maravilhosa  Galerie Vivienne foi construida em 1823 e possui 3 entradas: uma pela rue Vivienne, outra na rue de la Banque e a terceira pela rue des Petits-Champs. Você encontra nesta galeria belas lojas e um bom restaurante/casa de chá chamado À Priori Thé. Na entrada da rue Vivienne, se situa a loja de Jean-Paul Gaultier.

Ao lado da Galerie Vivienne, temos a Galerie Colbert que pertence à Bibliothèque Nationale. Construída em 1826, ela foi destruída e reconstruída em 1980 pela Bibliothèque. Na galeria pode-se comprar affiches e cartões postais editados pela BN e visitar o Musée des Arts du Spectacle: costumes de teatro, fotos, cenários, affiches.

Do corredor da Galerie Colbert vemos o interior da famosa Brasserie Le Grand Colbert (clique aqui para reservar uma mesa). Leia mais sobre esta brasserie aqui.

Após a visita das galerias eu sugiro um passeio até o jardim do Palais Royal, colado nas galerias.

Galerie Vivienne: 6 rue Vivienne ou 5 rue de la Banque ou 4 rue des Petits-Champs.