Estamos na época dos aspargos.

Como comprar? Observe o pé do aspargo. Se estiver seco, ele foi cortado há muitos dias.  Se escolher o aspargo branco, a ponta deve brilhar e ter um tom ligeiramente rosa. Não escolha aspargos grossos demais.
Se preferir o aspargo verde, verifique se a ponta não está brotada. O que sempre acontece no final da estação.

Como preparar? O branco deve ser descascado. E tire bem a parte fibrosa e dura. Descasque no último momento senão o aspargo forma outra casca. O verde não precisa ser descascado. No momento de cozinhar prenda os aspargos juntos em feixe, isso os protege e impede que quebrem. Coloque água, sal, caldo de limão e uma pitada de açúcar. O verde deve ficar crocante mas o branco é servido bem cozido, bem macio.

Às vezes os sirvo como entrada. Outras como prato principal simples e leve: aspargos cozidos, acompanhados por presunto cru e regados por uma vinaigrette especial. Faça uma vinaigrette clássica – azeite, vinagre, pimenta do reino e sal – e acrescente creme de leite e ovos cozidos picados.

Gosto também dos aspargos em creme. Esta receita de velouté é excelente e simples. Cozinhe os aspargos verdes com um pouquinho de água e manteiga em panela tampada. Quando estiverem bem cozidas bata no liquidificador, acrescente caldo de galinha e um pouco mais de manteiga salgada.

Conheça mais pratos tradicionais da culinária francesa:

Guias dos melhores restaurantes em ParisConheça o guia do Conexão Paris Restaurante e Outras Delícias. Ele traz uma seleção dos melhores restaurantes da cidade, além de queijarias, patisseries, caves, bares etc. Acesse nosso novo site Minha Viagem a Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.