Os bairros onde eu não me hospedaria em Paris

Para iniciar este assunto polêmico, um parágrafo que vai me salvar em situações difíceis no futuro.

Se hospedar em Paris intra-muros já é uma vantagem imensa. Neste caso todos os bairros são bons e com o metrô a vida fica fácil. Sei que às vezes o turista se hospeda fora de Paris, nas cidades que se encontram após o Anel Periférico. Se esta escolha for ditada por questões econômicas, a solução é válida. Neste caso veja se o hotel se encontra perto de uma estação do metro parisiense. Certas linhas cruzam a fronteira da cidade e vão até as cidades vizinhas.  Muita vezes não se trata de uma escolha e o turista se encontra do outro lado do periférico por falta de informações ou por informações incorretas. Uma regra fácil é verificar o código postal do endereço do hotel. Os ceps parisienses começam todos com  o número 75.

Foto: Sérgio T Gonçalves

Eu não me hospedaria em Montmartre. Bairro romântico com ruelas e escadas, bares, restaurantes e discotecas. Bairro com personalidade forte e interessante.  Mas não me hospedaria aí por duas razões. Quem a conhece sabe bem que esta área está afastada de todos os pontos turísticos. Que para pegar metro ou ônibus é necessário subir escadarias e contornar ruelas. Que o metrô Abesses não é fácil com seu elevador lento e sujo.

Quem o conhece sabe também que este bairro atrai uma população boêmia, jovens animados e divertidos mas também grupos sociais complicados. Sobretudo a parte mais turística do bairro, aquela que fica nas proximidades da igreja Sacre-Coeur. O turista brasileiro, já stressado com a violência do Brasil, pode se sentir ameaçado.

Eu evitaria também os limites da cidade. Estes hotéis que estão na divisa entre Paris, o periférico e as cidades vizinhas e que se encontram perto das Portas de Paris: Porte de Clichy, Porte de la Villette etc . Não que a situação seja perigosa, simplesmente porque estes endereços também estão afastados dos centros turísticos e estas regiões não são agradáveis.  Estas áreas limítrofes tendem a serem apropriadas por aqueles que foram expulsos do centro. Quando ainda frequentava os escritórios de atendimento aos estrangeiros e fazia fila durante horas para pedir a permissão de residência no solo francês, me encontrava nestes espaços periféricos que escondem o que não deve ser visto.

Acho que com calma e muita pesquisa o turista pode encontrar um hotel mais central por preços equivalentes aos destes hotéis.

A discussão está aberta.

Publicidade

O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.

Veja Também

Dicas legais para os viajantes

Como é a viagem das crianças desacompanhadas

França: os produtores de vinhos e seus “castelos”

1343 pitacos, participe desta conversa

  1. Eduardo disse:

    Rodrigo, primeiramente parabéns pelo trabalho que você presta a nós, turistas amadores. Seu site tem sido muito util para meu planejamento em Paris.
    Irei para Europa no final de outubro e ficarei hospedado em um hotel “top 10″ no tripadvisor, na rue Galilée, quase ao lado da Champs Elysée e estação George V. A noite, é perigoso passear por ali? Depois do fechamento das lojas, a Champs Elysée fica mau encarada?

    Abraços e muito obrigado desde já!

  2. Fernanda Rangel disse:

    Ola vamos ficar no pullman tour eiffel
    Vi q tem uma boa localizacao. Pertinho da torre
    Mas tb vi q varios ciganos e romenios estao ficando la e sendo perigoso
    O q acha??? Boa localizacao???

  3. Dayanne Travinski disse:

    Olá Rodrigo! Parabéns pelo Blog! Estou vendo um AP no Airbnb que fica nesse endereço: Rue de Tocqueville, Paris, Ilha de França 75017. Você acha que é um lugar tranquilo para andar a noite e chegar aos pontos turísticos? Será minha primeira vez em Paris.

  4. Reginaldo disse:

    Eu irei a Paris e vou ficar hospedado no Ibis torre
    Eiffel Cambronne, gostaria de saber se para visitar os pontos turísticos como Louvre, jantar na torre eiffel, cruzeiro no sena, moulin rouge é preciso reservar antes ou compro no hora, é fácil ir do hotel ao moulin rouge tem metro próximo?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Reginaldo, jantar na Torre Eiffel e Moulin Rouge é indispensável reservar com antecedência. Para ir ao Moulin Rouge saindo do seu hotel pegue a linha 6 na estação Cambronne e vá até a estação Étoile, lá pegue a linha 2 e desça na estação Blanche.
      Abraços.

  5. Euclydes disse:

    Rodrigo, boa tarde.
    Você sabe de algum evento importante em Paris entre 29/09 e 03/10, feira, exposição etc…

  6. euclydes disse:

    Rodrigo, bom dia.
    O hotel que reservamos é o IBIS Torre Eiffel Cambronne;
    2 Rue Cambronne, 75015
    Então meu questionamento vai direto para este endereço.
    Gostaria de saber se a locomoção dele ate a Champs Elysses é fácil e seguro a noite.

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Eclydes, a região é boa e segura. Pegando o metrô linha 6 na estação Cambronne, você chega direto na avenida Champs Élysées no Arco do Triunfo.
      Abraços.

  7. Adriano Medina disse:

    Rodrigo, parabéns pelo site! Vou precisar de sua ajuda! Minha filha vai passar 5 meses em Paris para estudar e estamos procurando apartamento para alugar junto com outras 2 amigas, encontramos um em Rue Duhesme, no bairro de Jules Joffrin. Não sei se é um bom lugar. O que vc acha?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Adriano, ali é o limite de onde é bom e onde não é tão bom. É um pouco longe do centro de Paris. Seria interessante, para poupar tempo, um apartamento próximo de onde ela vai estudar.
      Abraços.

  8. Joana disse:

    Rodrigo, boa noite. Vc sabe se o endereço a seguir é um bom local para se hospedar? Encontrei um apto na airbnb e gostaria de saber se a localização vale a pena.
    Endereço: Rue de la Faisanderie, 10 min andando da Champs Élysées e Trocadero.

    Obrigada!!

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Joana a região é boa e sofisticada. Talvez um pouco afastada do centro turístico. Na verdade fica a uns 20 minutos a pé do Arco do Triunfo.
      Abraços.

  9. euclydes disse:

    Rodrigo, bom dia. Estamos indo a Paris em dois casais.
    Gostaríamos de gastar ate R$ 350,00 por diária.
    Vimos 4 hotéis da rede IBIS em Paris e que o valor esta dentro do que necessitamos.
    Gostaria de saber se a locomoção deles ate o centro turístico é fácil e seguro a noite.

  10. Graziella disse:

    Ola,tudo bem?
    Gostaria da sua ajuda para avaliar a localizacao do ibis Pere Lachaise (rue de la folie reginault,11). Ele aparece como Bastilha-Republique. Mas no mapa fica proximo do cemiterio.
    Obrigada.

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Graziella, a localização não é das mais centrais. Você terá sempre que usar o metrô para ir ao centro turístico. A região é residencial e normal.
      Abraços.

  11. Kátia Barbosa disse:

    Rodrigo, mas esse endereço é perigoso para voltar à noite sozinha? Ou é melhor não circular à noite? 6, Rue de Clignancourt, Paris, Ilha de França 75018, França.
    Outra questão: para ir do Charles de Gaulle melhor pegar um taxi, pela proximidade, ou é melhor pegar o ônibus AirFrance + metrô?
    Muito obrigada, viu?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Kátia, não é perigoso mas é preciso ficar atenta. No CDG pegue o trem RER B e desça na Gare du Nord. A Gare du Nord se comunica internamente com a estação La Chapelle (você terá que andar um pouco). Na estação La Chapelle pegue o metrô linha 2 (sentido Porte Dauphine) e desça na estação Barbès – Rochechouart. Você pode também pegar um táxi na Gare du Nord, o valor deve ser por volta de 15/20 euros.
      Abraços.

  12. Mariana disse:

    Oi Rodrigo..
    Parabéns pelo site! Muito bom!
    Estou indo com meu marido pela primeira vez a Paris em novembro e estamos pensando em ficar hospedados em Montmartre, pois soube que era um bairro boemio. Porém já vi alguns sites falando sobre a segurança a noite neste bairro e fiquei receosa. Vi um apt na rue Feutrier e outro na rue Robert Planquette. Vc recomendaria? Eu e meu marido gostamos de ficar hospedados em lugares que a noite tenha movimento, gente na rua e por isso tinhamos pensado em Montmartre. Muito obrigada!

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Mariana, a rue Robert Planquette é menos afastada e fica próxima da rue des Abbesses e do boulevard de Clichy, bem movimentados.
      Abraços.

  13. Kátia Barbosa disse:

    Rodrigo, sei que você não indica ficar em Montmartre, mas me diga, por favor, o que acha especialmente deste endereço:
    6, Rue de Clignancourt, Paris, Ilha de França 75018, França.
    Obrigada!

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Kátia, eu já morei bem perto e acho a região feia e sem charme. Porém fica perto da linha 4 do metrô que são super práticas para o turista.
      Abraços.

  14. Dette disse:

    Rodrigo.Parabéns por sua disponibilidade em ajudar.Vou pela 1ªvez,sózinha e gostaria de ficar 1 mês para conhecer tudo,museus,lojas,café,Teatros,consertos,muitas coisas que não vi em excursão.Pretendo alugar um apto.Vi um ótimo apto.à rue aint-Marc Paris 2-6rue Le Goff-Boulevard de Rochechouart.O Sr.recomenda o local? Quais os melhores bairros p/uma senhora 60a.passear sózinha?Grata

  15. Jackeline disse:

    Bom dia Rodrigo, adorei suas dicas, parabéns!
    Por favor, vou à Paris em Outubro e pretendo me hospedar 76, Boulevard de Strasbourg, 10. Gare du Nord, oque você acha desta localização? Tem alguma sugestão de bairro pois pretendo andar a pé. Obrigada

  16. Greice Zirr disse:

    Ola, a tempos venho acompanhando seu blog, parabéns! Dia 09/07 eu e uma amiga vamos passar 3 dias em Paris, e reservamos um Formula1, no endereço 29, Rue du Docteur Babinski, vimos que era deslocado mas ao lado do metro Porte de Saint-Ouen… mas lendo seu artigo e pesquisando mais agora, estou morrendo de medo de ir para la!!! O que voce acha?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Greice, realmente essa região não é das mais bonitas, agradáveis e centrais. Se vocês acharem um hotel de preço equivalente mais próximo ao centro turístico de Paris, seria mais indicado.
      Abraços.

  17. Milena disse:

    Rodrigo vou com o meu namorado em setembro e estamos em dúvida entre dois hoteis, o Adagio Opera e o Mercure Opera Garnier, qual vc indica? Esses bairros são tranquilos para andar a noite?Obrigada aguardo sua resposta.

  18. Michelle disse:

    Olá Rodrigo, estou a procura de hostels em Paris para ficar 7 dias sozinha, já olhei vários, gostei muito de um acho que é o melhor Saint Christopher Gare Du Nord Paris que fica na rua : 5 rue de Dunkerque, 75010 Paris, França e outro hostel Young and happy que fica na rua: 80 rue Mouffetard, París, França que está na Quartier Latin. Você acha as localizações boas?

  19. Raul Pinheiro disse:

    Estou visualizando aptos pelo Air Bnb e achei um bastante bom, no entanto, fica meio afastado e pesquisei sobre a região, chegando ao seu blog. Mas poderia dar um palpite mais específico sobre essa rua “Rue Germaine Dir, Clichy, Ilha de França 92110″ ? Eu vi que tem um metrô perto e no anúncio diz que chega no centro em 15 minutos de metrô.

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Raul, esse endereço não fica em Paris. Clichy é uma cidade próxima “colada” em Paris. Eu não conheço a região mas optaria por um apartamento mais perto do centro turístico da cidade.
      Abraços.

  20. Gabriela disse:

    Olá Rodrigo, gostaria de saber se o FIAP (30 rue Cabanis – 75014. Glacière / Denfert-Rochereau) fica em uma boa localização. Obrigada!

  21. Janine Santos disse:

    Olá Rodrigo, tudo bem? Parabenés por este seu adorável trabalho. Eu e uma amiga passaremos 30 dias em Paris e estamos buscando um apartamento legal para alugar, que nos possibilite deslocamentos a pé, de bike e, em último caso, de transporte público. Li os comentários que fizestes acima e foram muito úteis.
    De todas as buscas que fiz encontrei bons locais, com bons preços nas regiões de République, Montmartre, Passy, Belleville e Duplex. Você pode fazer um breve comentário sobre estas regiões, excluindo Montmartre que já foi comentada anteriormente. Obrigada e um grande abraço!!!

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Janine, apesar de não ter os endereços exatos de cada apartamento, eu optaria pela região da République que é a mais central de todas. Em segundo lugar Dupleix. Passy é a mais sofisticada e afastada.
      Abraços.

  22. Edson Shinohara disse:

    Meu filho irá se hospedar na 77 rue Riquet, 75018 Paris, em La Chapelle, gostaria de saber se é um bairro perigoso.

  23. Fabiolla disse:

    oi tudo bem? Vou para paris pela 1° vez agora em set/14. Queria saber se o hotel Comfort Hotel Gare de l’Est fica em uma regiao muuito perigosa para andar a noite? Caso vc nao recomende, qual seria a melhor regiao para ficar? pensei em ficar proxima as estações gare du nord e gare d lést por que chegamos de londres para paris, ficamos alguns dias em paris e depois vamos p amsterda, bruxelas e sul d frança

  24. Ana Costa disse:

    Infelizmente comprei um pacote com Special Tour e eles reservaram o Hotel Ibis Bagnolet. Não há possibilidade de cancelarmos. Minha pergunte é: está área é realmente muito insegura que não possamos permanecer 3 noites lá? Qual o horário máximo que podemos chegar de metrô lá? Caso seja de fato extremamente perigoso, prefiro cancelar às minhas custas este hotel.

  25. Jéssica disse:

    Olá, boa noite. Primeiramente, ótimo artigo. Muito bom para clarear dúvidas de quem não conhece a França (como eu!).
    Bem, minha pergunta é se em Saint-Denis a condução para Paris é eficaz ? É muito longe ?
    Desde já, obrigada pela atenção!

Próximos 50 comentários Aguarde, carregando novos comentários

Participe e deixe seu comentário

Seu comentário pode demorar alguns minutos para aparecer no blog.