Lyon na França é uma cidade que deve constar na sua lista de lugares a serem visitados. Lyon é bonita, charmosa, culta e cheia de segredos. Como se não bastasse, Lyon é também um importante centro gastronômico francês. E tem mais, sua localização é excelente para a organização de um roteiro de viagem pela França ou pela Europa.

Basílica de Lyon

Lyon, cidade interessante e bonita

Onde se localiza a cidade de Lyon?

Lyon está localizada no centro da França, à duas horas de trem de Paris, 1h30 da Borgonha, 1 hora de Genebra.

Mapa de Lyon

Lyon e seus segredos

Lyon possui um extraordinário patrimônio arquitetural composto de vestígios do Império Romano, de edificações que datam da época em que se tornou uma grande cidade medieval, de um belíssimo bairro construído quando Lyon foi o centro financeiro do renascimento. O resultado são quatro distritos inscritos no Patrimônio Mundial da Unesco.

Lyon, Patrimônio Mundial da Unesco

Nos quatro bairros históricos de Lyon – Vieux Lyon, les collines de Fourvière, Croix Rousse e Presqu’Île – 162 edifícios e monumentos estão classificados como Monumentos Históricos. É pela preservação do patrimônio, pela continuidade e harmonia arquitetônica que a Unesco inscreveu o centro urbano histórico de Lyon no Patrimônio Mundial. Este centro representa 500 hectares. Cada época deixou sua marca através da arquitetura, escultura, pintura, literatura. A história de Lyon começou há 2.000 anos e a cidade soube conservar seus monumentos, suas tradições culturais e sua riqueza arquitetural. Flanando por Lyon deparamos com teatros antigos e vestígios da época galo-romana, edifícios da Idade Média, do Renascimento, monumentos dos séculos XVIII e XIX e a extraordinária arquitetura contemporânea do bairro Confluence.

Famosos bistrôs de Lyon

Bistrôs  chamados Bouchon

Gastronomia em Lyon

Além da beleza arquitetural, a cidade, que se auto-proclamou capital mundial da gastronomia, é de fato uma perdição gastronômica. Dos mercados aos bouchons, nome dado aos pequenos (e maravilhosos) restaurantes que servem comida típica da região, Lyon definitivamente não é um destino para quem está de dieta ou abstêmios. Afinal, aqui pertinho, se encontram duas das principais regiões vinícolas da França: Beaujolais e Côtes du Rhône. Mais abaixo temos um parágrafo detalhado sobre o Mercado de Lyon.

Quantos dias para turismo em Lyon?

Recomendamos que você passe pelo menos três dias na cidade para conhecer os três bairros mais bonitos e mais famosos: (1) Presqu’île, (2)Fourvière, (3) Vieux Lyon. Mas tudo que citamos abaixo pode ser conhecido em tempo mais comprimido: em 1 dia e meio. Lembre-se que se puder ficar três dias terá tempo para sentar e degustar com calma a gastronomia e os vinhos da região. Poderá, também, admirar com atenção as atrações locais e as pinturas murais que fazem parte de todos os circuitos sérios sobre essa cidade. 

Presqu'Île, o melhor bairro de Lyon

Presqu’Île. o bairro que indicamos para se hospedar

Pontos turísticos de Lyon por região

1 – Presqu’île

Assim como Paris é cortada pelo rio Sena, Lyon também é dividida, não por um, mas por dois rios: Saône e Rhône (Ródano, em português). Entre as águas desses dois rios, se encontra a Presqu’île, uma das regiões mais charmosas da cidade e com uma grande concentração de atrações turísticas. Curiosidade: Presqu’île significa “quase ilha”. Não se trata de uma ilha de verdade, mas sim de um pedaço de terra que vai afinando até o encontro das águas de ambos os rios.

Lyon, uma das cidades mais bonitas da França

Place des Terreaux

O que fazer na Presqu’île

A Presqu’île é formada por 3 distritos de Lyon – 1, 2 e 4, – e concentra prédios que datam do século 12 até os dias de hoje. Trata-se de um bairro central e na nossa opinião o mais bem situado para conhecer Lyon. Siga nosso exemplo e fique hospedado aqui. 

  • Ópera de Lyon. A maravilhosa Ópera, construída em 1831, foi renovada pelo famoso arquiteto Jean Nouvel em 1993. Este monumento já ganhou diversos prêmios de arquitetura. Trata-se de uma surpreendente associação entre arquitetura clássica e contemporânea. A mistura entre a fachada do século 19 e o topo em estrutura metálica e vidro, típica do final do século 20, confere ao monumento um aspecto peculiar.
  •  Place des Terreaux e sua bela Fonte Bartholdi. Esta fonte é uma obra de Frédéric Bartholdi, escultor da estátua de Liberdade de New York. A fonte é uma proeza técnica e artística e acabou de ser renovada. Foram necessários 18 meses para desmontá-la como um puzzle em 3D. Ela representa 21 toneladas de ferro e de chumbo, possui 4.85 metros de altura e 15 metros de diâmetro.
  • Museu de Belas Artes. O museu ocupa o prédio de um antigo convento de século 17 e seu acervo reúne obras de Picasso, Matisse, Degas, Van Gogh entre outros.
  • Shopping na Presqu’île. Presqu’île possui mais de 3000 lojas para todos os gostos e bolsas. A área chamada Carré d’Or, entre a praça Bellecour e Cordeliers, concentra um comércio diverso e interessante. As marcas de luxo ficam em torno da rua Edouard Herriot. Não deixe de ver também a rua Victor Hugo. 
Ruelas do bairro Vieux Lyon

O charme do antigo bairro de Lyon chamado Vieux Lyon

2 – Vieux Lyon

Vieux Lyon é o bairro mais bonito da cidade de Lyon. Trata-se de conjunto formado por becos e ruelas medievais com arquitetura renascentista e cores italianas.

O que fazer no Vieux Lyon

O circuito deste bairro se articula em torno da Catedral Saint Jean e da rua do mesmo nome. A ruela Saint Jean é interessantíssima e seus segredos devem ser descobertos com calma.

  • As Traboules do Vieux Lyon. A rua Saint Jean é cheia de passagens secretas chamadas traboules. As famosas traboules são corredores que nos levam de uma rua à outra passando pelo interior dos imóveis. As traboules são privadas, mas quase todas elas estão abertas ao público. Sugerimos que você percorra a rue Saint Jean, rue du Boeuf, rue des Trois Maries. O prazer deste circuito é procurar as traboules, empurrar portas e descobrir tesouros da arquitetura passada. 
  • Anote dois endereços famosos do Vieux Lyon. No número 16 da rue du Boeuf você encontra um pequeno pátio interno com uma torre rosa e redonda. Ela foi construída no século 16, possui quatro andares e uma decoração original. E no número 54 da rue Saint Jean se encontra uma passagem até a rue du Boeuf. Dizem que esta é a traboule mais longa de Lyon. 
  • Aplicativo Traboules de Lyon. Nós indicamos aqui o aplicativo oficial do Ofício do Turismo de Lyon. Nós não o testamos pois fomos direto conhecer as traboules do bairro Vieux Lyon. Chamamos a atenção para o fato de que as traboules são privadas. As mais famosas, as do Vieux Lyon, estão abertas ao público. As outras, não. E parece que o aplicativo não menciona se os visitantes podem entrar ou não. Para obter o aplicativo, clique aqui. 
  • Montée du Garillan. Sugiro também que faça o seguinte circuito: pegue a Montée du Garillan que começa na rue Saint Jean esquina com rue Gadagne. Suba para ser recompensado pela vista que temos da cidade. Surpreendente. 

3 – Fourvière

Fourvière é o nome da colina que domina o centro de Lyon. Fourvière é também o bairro mais antigo de Lyon, lugar da fundação romana de uma cidade antiga chamada Lugdnum. 

O que fazer em Fourvière

O acesso à Fourvière é feito à partir do bairro Vieux Lyon. Para os mais apressados, sugerimos a visita de Fourvière logo após a visita Vieux Lyon. Para os menos apressados deixe Fourvière para o dia seguinte. Flane por todas as ruelas do bairro e, no final da visita do Vieux Lyon, escolha um dos restaurantes citados abaixo. Sugerimos que dedique tempo aos vinhos e receitas locais. 

Fourvière e sua Basílica Notre Dame de Fourvière

Fourvière vale a pena por três razões: 

  • pela vista de Lyon, Fourvière é o ponto mais alto da cidade. Em comparação com Paris, Fourvière é a Montmartre de Lyon. 
  • pela sua Basílica, um símbolo importante da cidade. Ela acolhe todos os anos em torno de dois milhões de turistas;
  • pelo jardim chamado Jardim Rosaire. Trata-se de um imenso jardim com um circuito onde os fiéis seguem uma prece dedicada à Virgem Maria e à vida de Cristo. Este circuito cobre mais de dois hectares. O jardim é bonito, possui árvores extraordinárias e uma coleção de rosas antigas. 

Como chegar na Basílica Notre Dame de Fourvière

Temos duas opções:

  • com o funicular que você pega na estação Vieux Lyon Saint Jean;
  • ou a pé. Neste caso, no Vieux Lyon, pegue a Montée de Chazeaux que se inicia na rua Boeuf. São 228 degraus que revelam a cidade inteira. No final da Montée, a subida até a Basílica se faz por uma segunda Montée, chamada Saint Barthélemy, logo à esquerda. E, no final desta, por uma caminhada de 30 minutos dentro de um jardim chamado Rosaire. Esta opção é para os que gostam de caminhar.
Mercado Les Halles de Lyon

Mercado Paul Bocuse, Les Halles de Lyon

Lyon, sua gastronomia e seu Mercado Gastronômico

Lyon é uma das capitais gastronômicas da França e, nesta área, o personagem lyonnais mais conhecido é o do chef – já falecido – Paul Bocuse. Por isso seu famoso mercado coberto se chama Halles de Lyon Paul Bocuse. O mercado esteve fechado para reformas e na inauguração recebeu o nome do chef mais conhecidos da história da gastronomia francesa. Explicação de pequeno detalhe: a palavra halles em francês indica um mercado fechado. 

Mercado de Lyon na França

Produtos locais no Mercado de Lyon

O que ver e pratos típicos no Halles Paul Bocuse

Aí encontramos padarias, queijarias, açougues, patisseries, frutas e legumes. E restaurantes, claro. A maioria das lojas coloca em destaque os produtos típicos da gastronomia regional como salames cozidos dentro de uma brioche, escargots, pralinés, o queijo Saint Marcellin, Mont d’Or, os vinhos Beaujolais e Côtes du Rhône. Sem nos esquecermos das quenelles de brochet que podemos descrever como patê feito de peixe e enrolado em forma de salsicha. Entre os vinhos escolham Brouilly, Saint Joseph, Saint Amour. Encontramos também produtos de luxo da cozinha francesa e internacional. Na minha última visita degustei ostras em pé, no balcão, acompanhado por uma taça de vinho regional. No restaurante Chez Léon, as ostras chegam todos os dias da costa Atlântica.

Endereço e horários do Les Halles de Lyon Paul Bocuse

102 Cours Lafayette. Atenção aos horários: os restaurantes estão abertos durante a semana das 7:00 até 22:30. Mas os comerciantes abrem das 7:00 até 19:00. Nos fins de semana os comerciantes abrem das 7:00 até 13:00 e os restaurantes das 7:00 até 16:00.

Outros pontos turísticos de Lyon

Lyon - Os muros pintados

Os muros pintados de Lyon

As Pinturas Murais de Lyon

As pinturas murais de Lyon também fazem parte dos cartões postais da cidade. Elas são assinadas pela empresa CitéCréation que, hoje, realiza pinturas murais no mundo todo. Anote os endereços das duas das mais famosas pinturas murais de Lyon:

  • Fresques des Lyonnais. Endereço: Quai Saint Vincent, esquina com rue de la Martinière. Admire com calma a mais famosa pintura mural de Lyon.  Nela reconhecemos alguns dos moradores famosos da cidade – les lyonnais – como o chef-celebridade Paul Bocuse. Da Presq’île até a Fresques des Lyonnais a caminhada é de apenas 15 minutos. 
  • Mur de Canuts. Endereço: 36 Boulevard des Canuts. Esta é a maior pintura mural de Lyon. Nela admiramos as características do bairro e os hábitos de seus habitantes. Na foto acima, dois habitantes de Lyon diante do Mur de Canuts onde estão representados. Da Presq’île até o Mur de Canuts, à pé, você leva 30 minutos. 
Museu Confluences em Lyon

Museu Confluences em Lyon

Lyon e o bairro Confluence

Confluence me interessou desde minha primeira estadia em Lyon. O bairro se encontra na ponta sul da Presq’île, exatamente na convergência dos dois rios. Confluence foi a zona industrial e portuária de Lyon e era área a ser evitada. 

Revitalização de Confluence

Com localização nobre, Confluence passou por um projeto de revitalização que mudou a sociologia do bairro. Hoje Confluence ganhou o status de área para passear, morar e visitar. Como foi deixada total liberdade aos arquitetos que participaram da revitalização da área, Confluence é o oposto da Paris do Barão Haussmann. Aqui o urbanismo coerente e uniforme de Haussmann foi substituído pela singularidade de grandes arquitetos. 

O que ver em Confluence

Além do maior centro comercial da cidade, Confluence possui duas grandes atrações: um museu e um antigo prédio industrial convertido em local para exposições e bienais.

  • Musée des Confluences. O projeto do Museu des Confluences é da agência austríaca CoopHimmelb(l)au e se inspira nos cristais e nas nuvens, no mineral e no aéreo. Seu acervo é composto de mais de 2 milhões de objetos do século 17 até hoje. O Museu se interessa à origem da Terra, da Humanidade com sua História e sua Geografia. Endereço: 86 Quai Perrache Lyon. Horários de funcionamento: de terça até sexta, 11h00/19h00. Sábado e domingo, 10h00/19h00.
  • La Sucrerie. Este foi o único prédio, antiga usina de açúcar, que resistiu à revitalização da área, o único testemunho do passado industrial de Confluence. Hoje, La Sucrerie recebe exposições, eventos e acolhe a Bienal de Arte Contemporânea de Lyon. Endereço: 49/50 Quai Rambaud, Lyon.
Lyon

Lyon seus dois rios e inúmeras pontes

Quando viajar para Lyon

Vale a pena conhecer Lyon em qualquer época do ano. Como para qualquer região francesa, os meses ideais são abril, maio, junho, setembro e outubro. Mas é no inverno que acontece o principal evento de Lyon e neste momento a cidade fica deslumbrante.

Aproveito para sugerir a leitura do artigo Temperaturas e Clima em Paris (clique aqui). O que é dito neste artigo se adapta para toda a França.

Festa das Luzes em Lyon

Famosa Festa das Luzes – Fête des Lumières – de Lyon

Lyon e seu principal evento: Festa das Luzes | Fête des Lumières

O principal evento de Lyon é a famosa Fête des Lumières que acontece do dia 5 até 8 de dezembro. Anualmente, 2 milhões de turistas vêm se juntar aos 2 milhões de habitantes para ver a cidade iluminada. Neste momento as ruas ficam cheias mas tudo muito calmo, sem stress nem violência, famílias, jovens, muitas crianças e idosos.

O que é a Festa das Luzes 

Durante quatro dias luzes coloridas tornam a cidade mais bonita ainda. Os espetáculos se dividem em duas categorias. Os grandiosos, organizados pela prefeitura ou pelas empresas que escolhem iluminar os principais monumentos da cidade. Em paralelo admiramos também pequenos espetáculos organizados por artesãos, escultores, pintores. Flane pelas ruas de Lyon para encontrar os artistas e suas obras.

Como conhecer a Festa das Luzes de Lyon

É preciso planejar a viagem com antecedência. Em maio já fica difícil reservar hotéis para os dias da Festa. Mas esta é a única dificuldade. A festa é muito bem organizada e no site oficial encontramos todas as informações necessárias. O principal cuidado é de baixar os quatro roteiros montados pela Prefeitura (clique aqui). Cada dia você segue um deles. Eles indicam a quilometragem a ser percorrida e a localização de cada obra.

Origem da Festa das Luzes  

A festa tem origem popular: no século 19, após um longo período de inundações e conflitos sociais, a população se mobilizou no dia 8 de dezembro, dia de Imaculada Conceição, para festejar a construção de uma estátua da Virgem Maria na colina de Fouvières. De maneira espontânea a população acendeu velas nas janelas de suas casas. De lá pra cá, o movimento foi crescendo aos poucos até chegar no mega esspetáculo de hoje.

Museu Lumière

Para fechar o capítulo sobre luzes e festa das luzes gostaríamos de acrescentar que, coincidentemente –  ou não! – Lyon é também a cidade natal dos irmãos Lumière. Eles foram os inventores do cinematógrafo e hoje são considerados os pais do cinema. A cidade abriga o Museu Lumière, que retraça as origens da Sétima Arte.  Além da cidade da Gastronomia, Lyon merece também receber, como Paris, o título de Cidade-Luz. 

Lyon

Onde se hospedar? No bairro Presq’Île

Onde se hospedar em Lyon?

Sem dúvida alguma a Presq’île é o bairro ideal para se hospedar. Este bairro é elegante, chic, perto de tudo e com uma localização perfeita para conhecer a cidade. 

Sugestões de Hotéis em Lyon

Na Presqu’ile

  • Hotel Carlton Lyon – MGallery Hotel Collection: localização perfeita, quartos estilosos e inteiramente reformados, o hotel 4 estrelas ocupa um edifício de estilo Haussmann construído em 1894. Diárias a partir de 200 euros. Fiquei hospedada duas vezes no MGallery de Lyon e gostei muito. 
  • O Hotel des Artistes fica na Place des Celestins, uma excelente localização, central e ao mesmo tempo tranquila. Um 3 estrelas com quartos renovados, diárias a partir de 172 euros.
  • Hotel Vaubecour, este pequeno hotel com excelente localização é considerado soberbo pelo usuários do Booking. Ele possui ótimas tarifas à partir de 100 euros.

 

Restaurante Vivarais em Lyon

Vivarais, um dos bons bistrôs de Lyon, na França

Sugestões de Restaurantes em Lyon

Bons restaurantes em Lyon é o que não falta. Sugerimos que consulte o guia Michelin ou o site Bouchons Lyonnais. Além disso indicamos dois endereços que apreciamos.

  • L’Institut Paul Bocuse. Não se trata do restaurante gastronômico do grande chef e sim de um bistrô que oferece uma cozinha de bistrô com preços cordiais. O L’Institut Paul Bocuse se encontra no centro de Lyon. No site oficial você tem acesso aos menus e preços. 

Endereço: 20 Place Bellecour, Lyon.

Aberto de terça até sábado, almoço e jantar.

  • Restaurant Le Vivarais. Restaurante situado na Presq’Île, com cozinha criativa. O testamos em 2013 e gostamos muito. De lá para cá o Vivarais foi citado pelo Michelin e faz parte da lista dos Bouchons Lyonnais. O Menu du Jour – Menu do Dia – di Vivarais custa 23 euros com entrada+prato+sobremesa. 

Como ir de Paris até Lyon?

Existem diversas opções de transporte:

  • A melhor opção é o trem alta velocidade TGV: a viagem tem 2 horas de duração. Compre sua passagem antecipadamente – clique aqui – para garantir os melhores preços.
  • Ônibus: esta é a opção mais barata, mas também é a mais longa. A viagem tem cerca de 6 horas de duração. Consulte valores e faça a compra da passagem pelo site da empresa de ônibus OuiBus.
  • Carro: a viagem dura cerca de 4h30. Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França aqui.
  • Avião: a viagem de avião dura 1 hora. Pela Air France, você pode comprar a passagem direto do Brasil para Lyon, fazendo uma parada grátis em Paris (na ida e/ou na volta). 

Conclusão

Por todas as dicas acima, espero tê-lo convencido de que Lyon merece ser conhecida. Saia dos roteiros banais do turismo internacional e tente a experiência lyonnaise. Não se arrependerá. 

Outros post da série sobre Lyon:

O bairro le Vieux Lyon

Dicas de hotéis e restaurantes

A Festa da Luz

O mercado gastronômico


Veja as melhores ofertas de passagens aéreas no KAYAK Brasil.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro nao KAYAK Brasil.