A brasserie Lipp não é só uma brasserie parisiense, ela é o símbolo do savoir vivre francês. Ela faz parte daqueles endereços incontornáveis de Saint Germain.

Fachada na Brasserie Lipp, no Blv. Saint Germain.

Fachada na Brasserie Lipp, no Blv. Saint Germain. Foto de Wally Gobetz

Inaugurada em 1880, ela não mudou quase nada. Mesmo o cardápio é praticamente o mesmo, reunindo todos os pratos da cozinha tradicional e popular. Hareng, choucroute, pé de porco, haddock, mille feuilles, mousse au chocolat.

O tradicional cardápio da brasserie.

O tradicional cardápio da brasserie. Foto de Bolshakov, no Flickr

Os anos passam e gerações de deputados, de escritores e de artistas se sucedem. Ainda há pouco,  o terno ainda era obrigatório. Até hoje não se serve coca-cola. É proibido o uso de celulares. O serviço é feito só por garçons pois desde 1880 é proibido empregar mulheres (sim, isso mesmo!). Os clientes de longa data ganham uma mesa reservada só para eles. Não se pede esta regalia. A casa é que decide.

O interior da brasserie Lipp.

O interior da brasserie. Foto de Pilar Echezarreta

Bom, por tudo isto todos adoram o Lipp. É desses lugares obrigatórios para você conhecer um pouco mais da cultura e da história francesa.

Para mais informações sobre preços e reservas: www.brasserie-lipp.fr

151 boulevard Saint Germain 75006 Paris

foto créditos: www.theflews.com