Questões sobre segurança em Paris

A- A+

Apesar do aumento da violência nestes últimos dez anos, Paris ainda é uma cidade segura. Veja abaixo algumas dicas e questões sobre a segurança em Paris.

Os problemas com a segurança em Paris se resumem em roubos de carteiras e bolsas e tentativas de extorsão de dinheiro através de golpes, muitos deles ingênuos. Estamos longe do nosso cotidiano brasileiro de ataques armados e assassinatos em plena rua.

Saber quais são os principais golpes e estar preparado para reagir é a melhor maneira para evitar perda de tempo e dinheiro.

Principais golpes:

Publicamos vários artigos sobre os diversos golpes praticados na cidade: golpe do anel (leiam aqui), da pulseirinha nas escadarias do Sacre Coeur (leiam aqui), do blusão de couro (leiam aqui), da dupla conta do restaurante (leiam aqui).

segurança em paris

Paris, segurança

Já falamos sobre os bandos de jovens mulheres que agem nos locais mais turísticos ou nos meios de transportes. Apesar de terem uma notória preferência pelos turistas asiáticos, elas roubam todos, até parisienses distraídos. São menores do sexo feminino que abordam os turistas e a tática é sempre a mesma: enquanto a primeira faz a abordagem, as outras atacam roubam o que conseguem. Às vezes elas se aproximam das vítimas simulando um pedido de assinatura, como na foto acima. Ou então roubam nas varandas dos cafés. Elas levam sanduíches, iPhones, bolsas, fritas, o que encontram em cima das mesas.

Se por acaso seu smartphone foi roubado, você deve imediatamente bloqueá-lo para impedir a revenda.  Por isso tenha sempre seu número de identificação, o IMEI. Você faz uma declaração de roubo à polícia e em seguida ela será transmitida ao operador que é obrigado, por lei, a bloquear o aparelho. O número IMEI se encontra abaixo da bateria ou na embalagem do smartphone.

Fiquem atentos, também, aos camelôs com suas torres Eiffel penduradas no braço. Antes, eles simplesmente exibiam a mercadoria. Agora, estão com uma abordagem agressiva, na esperança que o turista compre por medo. Eles estão mais seguros de si e mais organizados. Quando percebem a presença dos policiais, se reúnem rápido em grupos de 20 ou mais pessoas e os enfrentam para impedirem o confisco da mercadoria.

Por trás disso tudo, os fabricantes e importadores chineses que ganham milhões vendendo a torre símbolo de Paris aos pobres clandestinos.

Veja o resumo dos conselhos do site da Polícia de Paris.

Na rua:

. cuidado com os bolsos das mochilas, fáceis de serem roubadas dentro dos meios de transporte, use-as sempre voltadas para a frente, assim como as bolsas;

. nunca ande com muito dinheiro nos bolsos e bolsas;

. guarde seus documentos e dinheiro somente nos bolsos internos dos casacos ou nas pochetes usadas por baixo das roupas;

. não manipule dinheiro na rua;

. se tentarem roubar sua bolsa, não reaja. Você pode se machucar;

. desconfie de todo desconhecido que se aproximar de você.

segurança em paris

Paris, segurança

Nos transportes:

. não deixe suas malas sem vigilância;

. bolsas e mochilas voltadas para frente;

. não deixe ninguém passar na catraca colado em você;

. não compre tickets de metrô dos vendedores ambulantes. Compre somente nos guichês e nos distribuidores de tickets nas estações de metrô.

Nos restaurantes:

. não deixe sua carteira no casaco que irá para a chapelaria;

. não deixe sua carteira dentro do seu casaco pendurado em uma cadeira;

. não deixe sua bolsa no chão, coloque-a no colo;

. não deixe seu celular ou carteira visível na mesa do café ou restaurante.

Se você for vítima de agressão:

. grite;

. entre em uma loja ou café o mais próximo e peça para chamar a polícia.

 Se você for roubado:

. vá até a delegacia mais próxima para declarar o roubo.

Clique aqui para ter acesso à lista de delegacias por bairro.

Aos conselhos acima, nós acrescentamos:

. uma turista sozinha deve evitar os vagões vazios do metrô e as estações com longos corredores, tarde da noite. Neste caso, volte para casa de táxi. É o que faço quando saio desacompanhada. Se estou acompanhada, volto normalmente de metrô sem problemas.

. De todas as maneiras, sozinha ou acompanhada, uma astúcia seria entrar no primeiro vagão, logo atrás da cabine do condutor. A presença deste agente é uma garantia de segurança. Qualquer problema ele está logo ali e sabe como reagir.

. Nosso leitor e colaborador Maurício Christovão contribui com as seguintes dicas: “Cuidado é com o seu cartão de crédito e passaporte. Tirem uma cópia do passaporte e ande com ela, deixando o original no cofre do hotel. Tragam os telefones do banco para uso em caso de perda ou roubo do cartão, telefone do seguro saúde e do Consulado Geral do Brasil em Paris, que tem um telefone de plantão para emergências. Vejam no link abaixo: cgparis.itamaraty.gov.br/pt-br

Leia também, nesse link aqui, o relato de uma leitora que foi agredida em Paris.

Observação: este artigo é um resumo atualizado de vários outros publicados desde 2007, ano da inauguração do blog.

 

Publicidade


Vai para Paris? Reserve sua passagem no site oficial da Air France - o melhor preço para mais de 900 destinos em todo o mundo.
O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.

169 pitacos, participe desta conversa

  1. Fer disse:

    Olá!
    Qual seria o horário “limite” pra andar de metro sozinha, a noite no inverno? Vi em algum lugar que a partir das 20h já seria bom evitar.
    Outra coisa, meu hotel fica do ladinho da estação convention, é uma localização boa, segura?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Fer, durante o inverno a cidade continua cheia de gente e de eventos, inclusive à noite. Não há um limite para andar de metrô sozinha. As mulheres parisienses andam de metrô sozinhas o tempo todo, o dia inteiro. Obviamente durante os dias de semana depois das 22h os metrôs ficam mais vazios. Mas tudo isso depende da linha e da região. A linha 1, por exemplo, que é a mais turística da cidade, está sempre movimentada. Paris é uma cidade segura, ataques e assaltos não acontecem, você só tem que ficar atenta aos batedores de carteira e golpistas. Alguns conselhos no metrô: se você chegar na plataforma e ela estiver vazia, fique próxima às escadarias ou saídas; entre no vagão com mais pessoas ou no 1° vagão do comboio pois você estará perto do condutor.
      A estação Convention fica em um bairro super seguro.

  2. Marcelo disse:

    Gostaria de saber como está a questão da segurança nas ruas de Paris pois há algum tempo a Europa vem abrindo as fronteiras e parece que estão acontecendo algumas mudanças não muito boas

  3. Martha disse:

    Boa noite,
    Eu estava realmente preocupada.
    Que bom , que nao tem violencia .
    Muito obrigada por me tranquilizar.
    Vou ficar atenta.
    Viajo em Outubro, quando voltar em Novembro, conto as novidades.
    E ate la , vou lendo as novidades tambem, deste blog , Maravilhoso.
    Martha.

  4. Martha Miranda disse:

    Ola,
    Estava lendo os comentarios sobre os golpes e furtos em Paris.
    Estou realmente preocupada.
    Estive em Paris , ha dez anos atras e nao vivi e nem senti essa inseguranca.
    Minha duvida e a seguinte esse furto de bolsa, eles arrancam a bolsa da pessoa , ” na mao grande”?
    Outra duvida, qual a Estacao de metro, perto da regiao de Saint Germain, que tem guiche para comprar os tickets de metro, direto com os funcionarios do metro. Penso que, para quem via sozinha e nao domina a lingua, e uma alternativa de se evitar um desses golpes.
    Vou sozinha e quero me organizar para evitar um acontecimento desagradavel.
    Ja senti , Pelos comentarios , que e uma questao de sorte , pode acontecer ou nao. Agora o que eu nao ,entendo, e como a Policia francesa sabendo so locais mais frequentes onde acontecem esses golpes e furtos , nao fazem um policiamento ostensivo? Afinal estamos falando de Paris, Pais que recebe inumeros turistas.
    Se puderem me informar, agradeco!
    Martha

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Martha, ataques diretos e assaltos à mão armada não acontecem em Paris. Não se preocupe. Os roubos de bolsas que mencionamos no artigo acima geralmente acontecem quando há aglomeração de pessoas (filas de museus, vagões de metrô): os golpistas enfiam a mão dentro da bolsa, mochila ou bolso e tiram o que acharem. A vítima nem percebe no momento, por isso aconselhamos as pessoas a andarem com bolsas e mochilas viradas para a frente do corpo e não colocarem nada nos bolsos externos de casacos.

  5. consuelo disse:

    ola, gostaria de saber se a regiao de choisy le Roi é segura? linha RER C. OBGDA .Consuelo

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Consuelo, na verdade Choisy le Roi é uma cidade que fica ao redor de Paris, próxima ao aeroporto de Orly. Não a conhecemos mas não é uma localização ideal para quem vem a Paris fazer turismo. Escolha um hotel dentro de Paris, clique aqui e veja nossas dicas de hotéis bons e baratos em Paris.

  6. Marina disse:

    Olá!Estou adorando obter informações através do site. Vou viajar com uma amiga, chegaremos em Orly, nunca fomos à Paris e estamos com pouco dinheiro. Achamos um studio em Choise le roi e outro na 10º. O que você me diz desses lugares? É seguro? Bons meios de transporte? Obrigada

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Marina, Choisy-le-Roi é uma cidade que fica perto do aeroporto de Orly, ou seja, afastada de Paris. Fique no 10° arrondissement, que é uma região de Paris. Qual o endereço?

  7. Leidiane disse:

    Vou me hospedar no Hotel Moulin Plaza, no endereço: 39 Rue Pierre Fontaine, 75009 Paris, você acha uma região tranquila?

  8. Sérgio Augusto disse:

    Olá Rodrigo. Já estive em Paris e me hospedei no La Perle Hotel, em 6, Rue de Cannetes, próximo à Igreja do Santo Suplício, no 6º Arr. Pretendo retornar em maio de 2018 e desta vez vou me hospedar no Hotel Darcet, no 17º Arr. Você já ouviu falar?? O bairro é bom????

  9. Dillemba disse:

    Oi, Rodrigo. Dá para andar de brinco pela cidade ou eles já aprenderam a passar correndo e arrancar? Rsrsrs. Obrigada.

  10. belize barreto disse:

    rodrigo irei a em fevereiro ,do dia 4 a 14.estarei com meu marido e tres filhos,estou pensando em alugar um apartamento em apartamentos du louvre 1 arr, bem proximo ao louvre. acha a regiao segura para voltar a noite de metro com criancas(11 e 13).pretendo ir na disney paris, palacio de versalles etc,,,acha q seeria melhor nos hospedarmos no 15arr,,,estou com muitas duvidas em relacao a onde nos hospedarmos ( 5 pessoas eee bem caro,rs)agradeco se puder me ajudar_

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Belize, a região ao redor do Louvre é ótima, central e segura. Vocês poderão ir a pé a vários pontos turísticos. O 15° arrondissement é mais calmo e mais afastado do centro turístico. Vocês teriam que se deslocar sempre de metrô (o que não não problema). Por isso ficar perto do Louvre é mais caro que ficar no 15° arrondissement.
      Clique aqui e veja opções de hotéis Ibis em Paris com bom custo/benefício.

  11. Rodrigo Lavalle disse:

    Morgana, vocês estarão fora de Paris, longe do centro turístico e essa não é uma região agradável. Quais outras opções eles te deram?

Próximos 20 comentários Aguarde, carregando novos comentários

Participe e deixe seu comentário

Seu comentário pode demorar alguns minutos para aparecer no blog.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.