Por Adriana Pessoa

A reserva foi feita com antecedência pelo site. A roupa para o grande dia, escolhida com cuidado. A dica do restaurante veio pelo Paris: Restaurantes e Outras Delícias, guia do Conexão Paris. Iríamos almoçar no lendário La Tour d’Argent, centenário e frequentado pelos reis da França.

Saímos do nosso apartamento na Île Saint-Louis, alugado para aquela temporada, e fomos andando até o Quai de La Tournelle, bem pertinho.

Fomos levados até a sala de espera, onde ficamos por pouco tempo até subirmos ao restaurante, localizado no último andar.

Enquanto esperávamos nos chamou a atenção uma mesa posta, réplica da mesa em que foi servido em 07/06/1867 o banquete chamado “Jantar dos Três Imperadores”: Czar Alexandre II, seu sucessor Alexandre III e o rei da Rússia, futuro imperador Guilherme I. Esse jantar ocorreu no emblemático Café Anglais, no Boulevard des Italiens cujo proprietário foi o bisavô do atual proprietário do Tour d’Argent.

Ao contrário do espetáculo gastronômico ocorrido no Jantar dos Três Imperadores onde foram servidos souflés, filés de linguado à veneziana, ensopados de galinha à portuguesa, lagostas à moda de Paris, estávamos no Tour d’Argent para nos deliciarmos com o prato que o faz conhecido em todo o mundo: os patos numerados. O Caneton Tour d’Argent, o mais famoso de todos, é servido somente no jantar em ritual famoso.

O salão envidraçado do restaurante possui certamente uma das mais mágicas vistas de Paris, a Île de La Cité com a vista dos fundos da Notre Dame, a Île Saint-Louis, o Sena, as pontes.

Escolhemos o Menu Déjeuner, servido no almoço, com um preço fixo de 85 euros por pessoa. Sim, é possível viver esta experiência histórica e gastronômica por um preço mais acessível. Dica preciosa do guia do Conexão Paris.


Iniciamos com Quenelles de Brochet Andre Terrail.

Uma cesta com pães maravilhosos circulava pelo salão durante todo o tempo.  E os garçons também, em um balé silencioso.

E o grande momento da tarde: Canette de Vendée a La Figue, o Pato com Molho de figo!

De sobremesa, Tartelette Chocolat Figue

…e Creme Aux Grains de Vanille en Feuilleté

Serviço impecável. Comida maravilhosa. No final, o maitre se aproximou e me entregou um cartão: le numéro de votre Canard: 1.103.481 – Depuis 1890.

Em frente ao prédio principal, a loja do restaurante, onde podemos comprar vinhos, os copos de prata, caixas de Madeleines, chocolates…tudo com a grife La Tour d’Argent.


Depois do inesquecível e surreal almoço, fomos caminhando até a Eglise Saint-Ethienne-du- Mont, próximo dali. E como Gil, o personagem do filme Minuit a Paris, me sentei na escadaria da igreja, aguardando que o sino tocasse e a antiga jardineira subisse a ladeira, pensando na maravilhosa experiência vivida e resumida na célebre frase de Claude Terrail, impressa nos cardápios do Tour d’Argent: “II n’est rien de plus sérieux que le plaisir…” .

“Não há nada mais sério que o prazer.”

La Tour D’Argent: 15 Quai de La Tournelle, Paris.


Guias dos melhores restaurantes em ParisConheça o guia do Conexão Paris Restaurante e Outras Delícias. Ele traz uma seleção dos melhores restaurantes da cidade, além de queijarias, patisseries, caves, bares etc. Acesse o site Minha Viagem a Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.