Talvez o esporte que mais se pratique em Paris seja o “flanar”, essa atividade tão ligada à cidade onde simplesmente andamos sem rumo, sem mapa, sem pressa. Essa é também uma das melhores maneiras de conhecer os segredos e a alma de Paris e descobrir o SEU cantinho especial nessa cidade tão inspiradora.

Uma das “flanagens” mais poéticas e imperdíveis é percorrer as margens do Sena – não pelas avenidas que o ladeiam – mas sim pelos caminhos à beira do rio, quase no nível da água. Ali, podemos ver as pontes, prédios e monumentos parisienses de um novo ângulo. De certa forma estamos em um outro mundo – em uma bolha – protegidos do trânsito e do corre-corre da cidade lá em cima.

Ali, nos finais de semana, e mesmo nos dias úteis mais quentes do ano, vemos os parisienses se reconectando com a cidade e consigo mesmos. Em grupos de amigos, com a família ou sozinhos, eles passeiam sem pressa, namoram, fazem piquenique, tomam uma cerveja desprentenciosa, tocam música, andam de bike, de patins, de skate, leem um livro, namoram, tomam sol ou simplesmente pensam e admiram a vida.

E, para tornar esse cenário ainda mais perfeito, até 2024, ano dos Jogos Olímpicos em Paris, a prefeita de Paris, Anne Hidalgo, promete um Sena onde poderemos nadar.

Acesse e assine o canal do Conexão Paris no You Tube para acompanhar nossos vídeos semanais com dicas de Paris (clique aqui).

MinhaViagemParis1Acesse nosso novo site Minha Viagem a Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.