Como comprar passagens de trem mais baratas na França

Texto da leitora Maria das Graças.


Compra de bilhetes IDTGV com cartões de crédito emitidos no Brasil

Compra de passagens de trem na França é assunto recorrente aqui no blog e, por essa razão, registro, a seguir, a dificuldade que tive ao comprar bilhetes IDTGV nos 1ºs dias de julho de 2011.  É importante o registro da data já que tudo muda o tempo todo no mundo.

Bilhete IDTGV é comprado exclusivamente pela Internet.  A principal vantagem é o excelente preço, incomparável a qualquer outro.  Mas, além do preço, temos o conforto de fazer tudo em casa. Compramos e imprimimos o bilhete e ao chegar à estação é só apresentá-lo ao agente, na plataforma de embarque, junto com um documento de identidade e boa viagem.  Sobre as facilidades no embarque, é o que diz o site. Eu ainda não embarquei.

Motivei-me a comprar no site IDTGV depois de ler, no Conexão Paris, um comentário positivo de uma leitora do blog no post  “Primeira Classe nos Trens Franceses de Alta Velocidade”.  Essa leitora havia comprado os mesmos bilhetes aqui no Brasil.

Para começar não é obrigatório mas é desejável que abram uma conta cliente IDTGV  aqui: http://ventes.idtgv.com/Register.aspx .  É rápido e ela será útil como referência no contato com o site, nas consultas futuras, reimpressão do bilhete, etc.

O site de compra, por sua vez, é bem amigável http://ventes.idtgv.com/ e é fácil a escolha da data, classe (1ª ou 2ª), horário e assento. Chega-se ao final do processo de compra e o site avisa que o processamento pode durar até 60 segundos.  Muitos 60 segundos depois e nada aconteceu.  Atualizei a página e apareceu uma caixa de diálogo com a mensagem “carte de crédit refusé”.  A razão eles não dizem.  E ainda nos orientam a tentar até 3 vezes por dia com o mesmo cartão ou com outros.

Depois de várias tentativas frustradas resolvi consultar a FAQ (perguntas mais freqüentes) e qual não foi a minha surpresa ao constatar que os cartões de crédito emitidos no Brasil não são aceitos (os meus são Visa e Mastercard Internacionais). Inacreditável no mundo de hoje!  Inconformada e certa de que eu precisava fazer qualquer coisa que me permitisse comprar os meus bilhetes fui em frente.

Enviei a 1ª mensagem onde eu dizia que moro no Brasil, meus cartões foram emitidos no Brasil mas não consigo comprar bilhetes IDTGV.

A resposta confirmava o que eu já sabia.  Não era possível comprar no site com cartões de crédito emitidos no Brasil. Mas se eu quisesse eles pediriam ao serviço de contabilidade deles para desbloquearem os meus cartões.

Enviei a 2ª mensagem aceitando o desbloqueio.  Nesse momento o cadastro no site foi de suma importância pois informei o meu número de conta cliente IDTGV e através dele fizeram o desbloqueio.  Não informei os nºs dos meus cartões.  Em seguida me avisaram que os cartões já estavam desbloqueados.

Animadíssima, no dia seguinte pela manhã, tentei novamente e nada:  carte de crédit refusé.

Enviei a 3ª mensagem dizendo que eu não tinha conseguido, apesar do desbloqueio dos cartões, e pedi que me ajudassem ou dissessem o que mais eu teria que fazer.

À tarde, mesmo sem resposta, resolvi tentar novamente já que eu ainda poderia fazer duas tentativas.  Voces não imaginam o meu contentamento quando no final apareceu uma página completamente diferente das que eu tinha visto até então dando todos os dados dos bilhetes e me dizendo que eu receberia um e-mail de confirmação, a partir do qual eu poderia imprimir os meus bilhetes.  Maravilha! Hoje já estou com os meus bilhetes impressos.

O site é em francês, inglês ou espanhol.

Agradeço a amiga Maria das Graças esta dica e acrescento um pequeno detalhe. Quando compramos passagem iDTGV podemos escolher o ambiente do vagão. Quer um ambiente onde possa conversa com o vizinho, escutar música ou mesmo telefonar? Escolha iDZAP. Se quiser dormir e ficar tranquilo no seu canto, a opção é iDZEN.

Publicidade

O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.

171 pitacos, participe desta conversa

  1. Tatiana disse:

    Olá!
    Não estou conseguindo comprar bilhetes pelo idtgv, ja fiz cadastro no site, ja desbloquei cartao para comprar no exterior , ja entrei em contato com o idtvg que liberou a compra com cartão brasileiro e já tentei tanto pelo próprio site, como pelo capitaine train…. e nada! Viajo no fim do próximo mês , tem alguma ideia de como resolver? Poderia me ajudar!!!

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Tatiana, existe uma incompatibilidade entre esses sites de venda de passagens de trem e algumas empresas de cartão de crédito brasileiras. Tente com outros cartões. Se você não conseguir, a solução é comprar quando chegar aqui em Paris.
      Abraços.

  2. Paula disse:

    Prezado Rodrigo,

    Enviei um email solicitando ajuda para comprar as passagens de trem. Se você puder me ajudar, agradeço!

  3. marina disse:

    Caro Rodrigo,

    Achei muito útil seu sute e socorre a todos. Aqui me incluo. Hoje, 17/09/2014, comprei 2 passagens de trem, de Paris para Avigon, ida e volta para o dia 27/09 com retorno dia 08/10.
    No final da compra, após meu cartao de credito ter sido debitado, o site informou que a compra nao foi efetivada. Tentei mandar msg para o contato que aparece no site, sem sucesso. Náo localizei nenhum telefone para informações/reclamações. Você sabe de algum? Como poderia resolver?
    Obrigada,
    Abraços,

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Marina, em qual site você fez a compra? Geralmente, nesses casos, somente o limite do seu cartão foi afetado. Se você não recebeu o email de confirmação, a compra não foi efetivada. Daqui a alguns dias o limite voltará ao normal. Abraços.

  4. Angela disse:

    Acabei de conseguir comprar passagens no site do iDTGV, depois de penar por quase uma semana. Falei com gerentes de bancos, mandei msg pra SNCF até que me inscrevi no site do idtvg e via email para information@serviceclient.idtgv.com pedi que desbloqueassem meu cartão de credito. Informei meu nome, os últimos quatro números do cartão de credito e o Brasil como pais emissor do cartão. Isto foi na sexta-feira as 2h00. No sabado as 5h40, recebi o retorno deles e fiz a compra. O preço aumentou desde o inicio do “processo”, mas continuava ainda bom. A resposta que recebi foi a seguinte:
    “Dear B,
    We hereby acknowledge receipt of your message relating to wish to buy a ticket on our Website with your card.
    We informed the service which is in charged of this matter in view to authorize exceptionally the payment with your card from Brazil ending by xxxx.
    You should be able to realize your transaction with success. If it isn’t the case please do not hesitate to contact us back.
    We wish you a pleasant day and remain at your entire disposal for any further information you may require.
    Your sincerely,
    Servane
    Service Clients iDTGV “

  5. Kátia Isabel disse:

    Comigo aconteceu exatamente como descrito pela leitora Daniela (em Maio) .Tudo deu certo ,o trem foi maravilhoso ,economizei muito e nem sabia francês: escrevi em inglês e fui muito bem atendida. Obrigada a todos que participam desse blog!

  6. Ana Paula Fernandes disse:

    Bom dia,

    Estou tentando comprar minha passagem Londres-Bélgica pelo site da Eurostar e não consigo de jeito nenhum, pois ao concluir o pagamento aparece uma tela branca como muitos já falar por aqui. Já tentei cartões diferentes e não consegui êxito na compra. Vocês poderiam me ajudar? Desde já agradeço, obrigada!

  7. Dayse Vasconcelos disse:

    Pessoal , não existe coisa mais fácil que comprar bilhetes de trem em Paris , sem stress!
    É muito simples , basta entrar em contato com o Rodrigo e ele resolve tudo !!
    Esses sites aí que vocês indicaram me deram uma canseira que desisti…
    Mandei um email para o Rodrigo com as informações do destino, nome ,enfim…
    Paguei pelo paypal e recebi minhas passagens por email.
    Était très facile ! Super !!
    Merci Rodrigo!!

  8. fernanda disse:

    Pessoal, obrigada pelas dicas, muito legais!
    Eu tenho uma dúvida: consegui comprar os tickets no site da voyages e recebi as confirmações por e-mail. Porém nao consta o nome dos passageiros, diz apenas 1st Passenger marcação xx e assim por diante, mas em alguns trechos recebi com os nomes completos. É normal? Como devo proceder?

  9. Ana disse:

    Esse post foi um alívio pra mim pois não fazia ideia de como comprar os bilhetes por causa do mesmo problema.
    Entretanto, após me cadastrar no iDTGV não consigo achar a opção para ir de Paris a Reims. A cidade de Reims não aparece como destino, mas no site normal do TGV sim. E agora?

  10. Daniela disse:

    Obrigada pelas dicas! Estive tentando comprar passagens no iDTGV, mas não conseguia fechar a compra por causa do cartão brasileiro. Conforme dica dos colegas, fiz uma conta iDTGV e mandei um e-mail, que foi mais um pedido de ajuda do que uma reclamação. No dia seguinte eles me responderam, desbloqueando meu cartão, e no outro (hoje), consegui comprar meus bilhetes por um preço bem mais barato do que nos sites da sncf, ou raileurope. Gastei (apreensiva) o que sobrou do meu francês da adolescência, mas valeu. Mais uma vez, obrigada pela dica. Funcionou!

  11. Marcelino disse:

    Rodrigo,
    Então preciso comprar os bilhetes separados no site? Lá tem a opção de comprar 2 bilhetes, mas no momento de escolher quantos passageiros por sexo, não consigo finalizar a compra.

  12. Rodrigo Lavalle disse:

    Tiago, no site oficial da companhia francesa de trens está escrito que o IDEAL é uma mala de 46 cm x 70 cm. Não existe conferência mas é você mesmo que vai subir e descer com as malas do trem. Alem disso nao ha muito espaço a bordo para guardar as bagagens.
    Abraços.

Próximos 20 comentários Aguarde, carregando novos comentários

Participe e deixe seu comentário

Seu comentário pode demorar alguns minutos para aparecer no blog.