Documentos necessários para entrar na França

.

A leitora Cristiane me enviou um artigo, publicado no blog de Luiz Nassif, com o depoimento de uma professora brasileira que não pode entrar na França. Ao chegar no aeroporto Charles de Gaulle ela  ficou presa em uma sala e em seguida foi reconduzida ao Brasil.

Contatei a Embaixada da França no Brasil pedindo a lista dos documentos necessários, enquanto turista,  para entrar na França. Me responderam fornecendo um link para o site da Embaixada onde encontrei as seguintes informações:

Todos os estrangeiros, submetidos ou não a um visto de curta duração, que desejarem ingressar na França, devem obrigatoriamente estar munidos de um seguro-saúde e de repatriamento no valor mínimo de 30.000 euros e que cubra todo o território “Schengen” (França, Alemanha, Grécia, Espanha, Itália, Áustria, Portugal, Finlândia, Suécia, Noruega, Bélgica, Holanda, Dinamarca, Islândia e Luxemburgo).

Todos os estrangeiros, submetidos ou não a um visto de curta duração, que desejarem ingressar na França para uma visita particular, familiar ou turística, devem estar de posse de uma reserva de hotel ou um atestado de acolhimento.

O atestado de acolhimento é solicitado pela pessoa que irá hospedar o estrangeiro à prefeitura de seu domicílio. O original desse atestado deverá ser assinado pelo prefeito que o concedeu e visado pelo serviço de vistos do Consulado Geral para aqueles que precisam de visto.

São dispensados de apresentar um atestado de acolhimento:

– os estrangeiros que desejarem efetuar na França uma estada de caráter humanitário ou cultural;

– os estrangeiros que se dirijam à França no contexto de uma emergência médica;

– os estrangeiros que se dirijam à França para os funerais de uma pessoa próxima;

– os familiares de franceses (cônjuge, filhos);

– os familiares de cidadãos da Comunidade Européia.

A Luciana M. do blog Dividindo Bagagem me informou que o Rodrigo Purish, do blog Aquela Passagem, tem um post sobre este assunto. Eu li, está ótimo, mas já teve uma modificação: a imigração não aceita mais uma carta do habitante dizendo que vai hospedar o turista. É preciso apresentar a declaração oficial dada pela Prefeitura.

Se alguém tiver informações complementares peço que nos informe. Porque atravessar o Atlântico, ser mal tratado e colocado de volta no primeiro vôo é uma experiência amarga.

Leia também:

Publicidade

O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.

1598 pitacos, participe desta conversa

  1. Débora Loureiro disse:

    Boa noite .. vou para paris este mes , mas ainda nao tenho sitio pra ficar o objectivo é chegar na cidade de Paris e procurar um hotel… Acha que vai dar problema o facto de nao ter ainda um sitio proprio?

  2. Rafael santos disse:

    Rodrigo, boa noite. Primeiro parabėns pelo site que tem ajudado a todos que acessam…
    Minha dúvida é, vou em outubro em Paris com minha esposa, sogra e vinha de 2 anos… E vou ficar em um apartamento alugado pelo Airbnb, sabe de casos de pessoas com problema para entrar na França, ou o site Airbnb é visto na imigração como reserva de um hotel??? E sabe os documentos e vacinação para crianças com idade de 02 anos? Desde já obrigado pela ajuda…

  3. ursula disse:

    Quais documentos alem do passaporte devo ter em maos maos para ir a Paris e serem apresentados nos aeroportos? Viajo no mes de Outubro, e estou com esta dúvida. Poderia me ajudar? Li sobre algo relacionado a carteira de vacinaçao… Preciso saber os documentos corretos. GRATA!

  4. bruno disse:

    oi estou indo a paris domingo , gostaria de saber se vou ter problemas na imigração por não ter carta de convidado , vou ficar em casa de amigos tenho o plano de saúde , passagens de ida e volta para 3 meses e o endereço . Não tenho carta será que terei problemas ??

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Bruno, caso os funcionários da imigração peçam que você apresente a carta de acolhimento ou a reserva de hotel você terá problemas. Anote o nome, endereço e telefone do seu amigo. Peça a ele que lhe envie por email mesmo, em francês, a carta dizendo que ele vai te receber e contendo o nome completo de vocês dois, número do seu passaporte e do documento de identidade dele, endereço do apartamento e o tempo da sua estadia.
      Abraços.

  5. Bernard disse:

    Boa tarde,

    Respeito a reserva de hotel, tem que ter uma estadia minima ?
    Por exemplo, quero viajar um mes, mas no vou ficar o mes enteiro no mesmo lugar., so a primera semana. A reserva do hotel de uma semana vai ser suficiente ?
    Obrigado,

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Bernard, não sei lhe responder algo tão específico. Em princípio a reserva do hotel de uma semana vai ser suficiente pois o turista não necessariamente vai ficar o tempo todo na mesma cidade.
      Abraços.

  6. Nuro disse:

    sou Mocambicano, gostaria de saber se eu for a Franca, terei direito a assistencia medica? Interessa me saber tambem dos precos dos hoteis em paris

  7. sirlene guimaraes disse:

    sou bahiana ,brasileira vim so com o carimbo no meu passaporte, mas vim para casar agora , o que devo fazer pra ficarmos aqui juntos porque eu preciso do visto de londa duracao so que a prefeitura so fornece, pra quem tem conta conjuta contrato de aluguel, aparti de 6 meses , serar quer o consulado da franca no brasil ,vai ter estas mesma burocracia

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Sirlene, como o nosso blog é sobre turismo, eu não sei lhe informar como proceder. A lei francesa é uma só, tanto aqui na França quanto no consulado francês no Brasil, os documentos exigidos serão os mesmos.
      Abraços.

  8. rose disse:

    Sou funcionaria publica estou me aposentando.como conseguir ir para frança para morar?o que preciso?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Rose, para morar na França você precisa ter uma passaporte europeu ou um visto de permanência ou de trabalho. Como consegui-los eu não sei te informar. Procure o consulado francês aí no Brasil.
      Abraços.

  9. rose disse:

    sou brasileira casada com argelino.Sei que nao preciso de visto para visitar a frança.mas e meu marido?ja estamos casados mais de 3 anos e todo documento dele esta legalizado no Brasil..como proceder para uma viagem de turismo á França

  10. Anilton Varela disse:

    Eu sou Cabo-verdiano e minha namorada está em França e queremos nos encontrar estamos a muito planejando como fazer isso. não queremos que seja da forma ilegal queremos tratar tudo em conformidade com estatuto queríamos que nos ajudasse como fazer isso. Cumprimentos aqui esta o email para nos esclarecemos mais duvidas

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Anilton, nosso blog é especializado em turismo de brasileiros em Paris. Não sabemos os documentos que o governo francês exige de um cabo-verdiano que queira vir para a França. Entre em contato com o consulado francês na sua cidade.
      Abraços.

Próximos 20 comentários Aguarde, carregando novos comentários

Participe e deixe seu comentário

Seu comentário pode demorar alguns minutos para aparecer no blog.