por Rodrigo Lavalle

Com o fim do inverno e início da primavera várias novas lojas e marcas estão abrindo suas portas aqui em Paris. Semana passada escrevi sobre a mais recente empreitada do Karl Lagerfeld.

A novidade dessa semana é o novo espaço récem-inaugurado pela adidas. Chamado de N°42, esse espaço não é uma loja comum da marca alemã de activewear. Lá estão à venda somente as linhas especiais da marca: Y-3; adidas SLVR, adidas Originals e adidas performance. Além dessas, são vendidas também as colaborações especiais com os estilistas Stella McCartney e Jeremy Scott e com a loja cool de Nova York Opening Ceremony (atualmente os donos da Opening Ceremony são os diretores criativos da Kenzo onde estão fazendo muito sucesso).

A idéia é distanciar e valorizar esses produtos especiais em relação ao “arroz com feijão” da marca. Às vezes eles passam desapercebidos nas lojas comuns, engolidos pelo mundo de tênis e camisas de futebol. O espaço é simples e austero com toques da arquitetura industrial e japonesa. O próprio nome da loja não é extamente um nome e sim o número do prédio onde ela está instalada – no 42 da rue de Sévigné, no Marais, bem ao lado da L’Eclaireur. As outras duas filiais da marca se chamam N°74, em Berlim, e N°6, em Londres.

As roupas são na maioria esportivas e confortáveis. Algumas linhas como a do Jeremy Scott e a da Opening Ceremony apresentam inspiração um pouco mais conectada com a moda e as tendências. A Y-3 desenhada pelo japonês Yohji Yamamoto é basicamente toda em preto com toques de branco e segue a linha conceitual do seu criador.

A colaboração com a Stella McCartney sempre fez sucesso. Além de ser uma boa estilista ela consegue se conectar com as mulheres modernas. Essas vêem nela uma mulher independente, bem sucedida, cool e que consegue balancear ser mãe, esposa e profissional. O nicho no qual ela atua nessa colaboração é pouco explorado: roupas legais, confortáveis e “trendy” para serem usadas na academia e não passar vergonha no trajeto casa-academia-supermercado-casa.

No início eu fui cético com relação ao sucesso da coleção do Jeremy Scott para a adidas. Afinal de contas, quantas pessoas vão comprar um par de tênis com asas? Um monte, pelo que parece. Piada repetida perde a graça mas os consumidores ainda não cansaram das brincadeiras pop do Jeremy. A colaboração já tem 5 anos e continua fazendo sucesso. E está a cada dia mais absurda e abusada.

N°42 – 42 rue de Sévigné – 75003 Paris – metrô linha 1 – estação Saint-Paul