De tempos em tempos, pergunto ao Mateus: o que você mais gostou em Paris?

Ele aprovou o chocolate quente da Angelina.

Ficou horas no Departamento de Antiguidades Egípcias do Louvre.

Pensei que ele fosse gostar muito do Parque La Villette e me enganei. A barreira da língua impediu que apreciasse realmente os filmes do La Geode e o aspecto interativo da Cité des Sciences.

Para surpresa minha ele descobriu que podia jogar futebol com os franceses nos parques e jardins espalhados por Paris. Na organização da rotina do dia, tinha sempre uma pausa esportiva. Ele ficava por perto olhando, tomava coragem e entrava no jogo. Todas as vezes ele foi imediatamente aceito. Muitas vezes ele nos disse, todo contente: os ensinei a jogar.

A lista é longa e ele gostou de tudo. Quase tudo… ele tampava o nariz na gola da camiseta quando nos deliciávamos com os queijos franceses.

PCCConheça o guia Paris com Crianças, escrito por Adélia Lundberg com dicas do Conexão Paris. À venda na nossa Lojinha.