Texto escrito por Cristiane Rezende

Paris e Normandia com crianças – seguindo as dicas do Conexão Paris

Acabei de chegar e a pergunta que fica é como agradecer as inúmeras dicas de amigos desconhecidos do Conexão Paris que tanto contribuiram para que essa viagem fosse tão deliciosa?

Acho que neste caso a única forma de agradecer é compartilhar algumas experiências.

Ficamos no bairro Opéra e gostamos muito. O bairro é muito bem localizado e de fácil acesso a inúmeras atracões. Assim, nosso meio de transporte básico foram nossos queridos pezinhos. Realmente é delicioso caminhar por Paris!

Uma dica do Conexão Paris que funcionou muito foi o Batobus. As crianças adoravam descansar andando de barco! Compramos um ticket de dois dias por 18 euros por adulto e 8 euros por criança. No período em que utilizamos o barco funcionava de 10 às 19 horas mas o horário de funcionamento costuma variar de acordo com a estacão do ano.

Construímos roteiros que teve  como base o guia do Conexão Paris com os roteiros para conhecer a cidade em 4 dias. Como estávamos com crianças fizemos os roteiros com mais calma, procuramos intercalar passeios mais “culturais” com outros ao ar livre. Acrescentamos alguns passeios como o Jardin des Plantes quando fizemos o roteiro do Marais e o Jardin du Luxembourg quando fomos a Saint Germain.

Como meus filhos são maiores, 10 e 13 anos, um artifício que costumo usar para aumentar o interesse deles é  fazer com que  compreendam a história local e as características dos prédios e monumentos. Uma proposta interressante foi visitar Sainte-Chapelle, Notre-Dame e Pathéon no mesmo dia.  O contraste de estilos arquitetônicos foi bem ilustrativo.

Desde pequenos, li para as crianças um livro sobre Monet que se chama “Lineia nos jardins de Monet”. Por isso este passeio não poderia ficar fora da nossa programação.  Como indicado no blog, pegamos o trem ás 8:20 da manhã e fomos para Vermon. De lá pegamos o ônibus para Giverny, bonito mesmo no outono. Foi tudo bem fácil. Antes das 14 horas já estávamos em Paris novamente. Giverny e a torre Eiffel foram as atrações de maior sucesso para as crianças!!

Outra dica excelente foi programar a visita ao Louvre para uma quarta-feira no final da tarde quando a fila já estava bem menor. Como passamos pelos arredores várias vezes (era muito perto de nosso hotel) percebemos que foi a escolha certa. Visitamos Giverny e Louvre no mesmo dia.

Apesar de termos visitado vários museus e monumentos não compramos o Museum Pass porque teríamos que fazer em dois dias e como estávamos bem ”slow” não valeria a pena.

Após conhecermos Paris, alugamos um carro e fomos para a Normandia. Confesso que estávamos um pouco receiosos de dirigir em Paris.  Mas a Beth nos deu uma dica preciosa, sair da cidade pela Porte Maillot. Foi realmente muito tranquilo! As estradas são lindas e muito bem sinalizadas. E com o GPS não tem erro. Para nós quatro o aluguel ficou bem mais em conta que a passagem de trem para Rennes.

Esse final de viagem foi mais corrido e dormimos cada dia em um lugar. Como eram cidades menores não foi cansativo. Saímos de Paris e fomos para o Mont Saint Michel. Aproximadamente 3:30 de viagem. Adoramos! Valeu a pena dormir no Mont para vê-lo iluminado.

No outro dia seguimos para Étretat (mais uma dica imperdível da Lina). As falésias são lindas e as trilhas fáceis.

No final fomos para Rouen, cidade que possui um centro histórico bonito e conservado e muita história pra contar. Foi lá que Joanna D’Arc  foi condenada e morta. A cidade foi bombardeada durante a Segunda Guerra Mundial, mas vários monumentos foram reconstruídos e restaurados. O ponto alto é a catedral gótica, famosa por ter sido pintada várias vezes por Monet.

Enfim, adoramos essa viagem que foi totalmente planejada com as dicas dessa generosa comunidade. Não poderíamos deixar de agradecer. Merci! Merci! Merci!

Observação: Apesar de ser meu aniversário e ter ganhado a entrada para a Disney, as crianças não quiseram perder um dia de Paris.

Viaje pela França com:

  • Avião: Veja aqui as melhores ofertas da Air France.
  • Trem: Compre sua passagem antecipadamente – clique aqui – para garantir os melhores preços.
  • Carro: Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França aqui.
  • Ônibus: Esta costuma ser a opção mais barata, mas também é a mais longa. Consulte valores e faça a compra da passagem pelo site da empresa de ônibus OuiBus.

Leia também:


PCCConheça o guia Paris com Crianças, escrito por Adélia Lundberg com dicas do Conexão Paris. À venda no site Minha Viagem Paris.