Foi inaugurado na cidade de Nogent-sur-Seine, próxima a Paris, o Museu Camille Claudel, dedicado à famosa escultora francesa.

Camille Claudel nasceu em 1864 na cidade de Fère-en-Tardenois.

Desde a pré-adolescência, a artista demonstrava interesse e vocação para a escultura. Em 1876, então com 12 anos, ela tem seu primeiro professor e mentor, o escultor Alfred Boucher. Seus pais o contataram em busca de conselhos quando a família se mudou para a cidade de Nogent-sur-Seine.

Museu Camille Claude

Camille Claudel e sua estátua Persée, em torno de 1898

Em 1881, a família (sem o pai) se muda para Paris e, 3 anos depois, Camille conhece Auguste Rodin, o já famoso escultor francês. Camille entrou no ateliê de Rodin como aprendiz e em pouco tempo se tornou sua colaboradora, modelo, musa e amante. A relação entre eles foi intensa e fusional e marcou para sempre a vida e o trabalho de ambos. A partir de 1893, Camille se afasta de Rodin, ela faz bastante sucesso até 1906, quando para de trabalhar devido a problemas de saúde física e mental. Camille morreu em 1943, sozinha e esquecida.

Em 1949 o irmão de Camille pede ao Museu Rodin que apresente uma retrospectiva de seu trabalho. A exposição é inaugurada em novembro de 1951 e faz um grande sucesso.

O grande resgate da figura de Camille Claudel junto ao público em geral aconteceu no anos 80 quando foram lançados o livro Une femme, Camille Claudel de Anne Delbée e, em seguida, o filme Camille Claudel, com a atriz Isabelle Adjani no papel da escultora.

O museu

O Museu Camille Claudel é o primeiro museu no mundo dedicado à obra da famosa escultura francesa. Localizado na cidade de Nogent-sur-Seine, onde Camille morou dos 12 aos 17 anos, o museu ocupa uma série de prédios. Fazem parte do conjunto a antiga casa da família Claudel e o antigo Museu Dubois-Boucher (dedicado aos escultores Paul Dubois e Alfred Boucher), além de novos edifícios projetados pelo arquiteto Adelfo Scaranello.

Museu Camille Claudel

O Museu Camille Claudel, em Nogent-sur-Seine

O acervo do museu possui um conjunto importante de obras de Camille Claudel que cobre toda a carreira da artista e mostram a evolução de seu trabalho. Estão presentes esculturas que Camille apresentou na sua primeira participação no salão dos artistas franceses, em 1885, até seus últimos trabalhos, realizados por volta de 1905.

Museu Camille Claudel

Interior do Museu Camille Claudel

Além disso é possível ver obras de outros 3 grandes escultores franceses que, por acaso ou não, nasceram ou residiram em Nogent-sur-Seine. Além de Camille Claudel e de Paul Dubois e Alfred Bouche, já citados acima, há também esculturas de Marius Ramus.

Informações práticas

Museu Camille Claudel: 10 rue Gustave-Flaubert, Nogent-sur-Seine, França.

Na Gare de l’Est em Paris pegue um trem com destino a Nogent-sur-Seine (clique aqui e compre suas passagens). A viagem dura cerca de 1 hora. Depois ande cerca de 1à minutos até o museu.

Horários de funcionamento: terça a sexta de 11h as 18h e sábados e domingos de 11h as 19h. Fechado às segundas e nos dias 1° de janeiro, 1° de maio, 1° de novembro e 25 de dezembro

Preço do ingresso: 7€ com direito ao audioguia.


Clique aqui e leia nosso artigo com outras dicas de passeios bate e volta próximos a Paris.


museu camille claudelAcesse nosso novo site Minha Viagem Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.