Este é o terceiro artigo da viagem do Conexão Paris ao Périgord. O primeiro fala das características gerais da região (leia aqui), o segundo descreve os dois primeiros dias da viagem (leia aqui).

Sarlat La Canéda

Sarlat La Canéda

Sarlat é a capital do Périgord Noir. Sarlat é também uma cidade histórica mundialmente conhecida pelos seus monumentos medievais. O centro da cidade é de uma rara homogeneidade arquitetural, composto de ruelas pitorescas com mansões medievais intactas. Ele possui um conjunto urbano medieval classificado entre os mais importantes do mundo, com 65 monumentos e imóveis protegidos pelos Monumentos Nacionais.

Sarlat, ruelas medievais

Sarlat, ruelas medievais

Como Paris, Sarlat é com frequência a atriz principal de filmes, sobretudo daqueles que giram em torno da história da França. Desde 1945, a capital do Périgord apareceu em mais de 80 filmes entre eles Jeanne d’Arc de Luc Besson, Les Misérables de Robert Hossein, Les Duellistes de Rodley Scott, La Fille de d’Artagnan de Bertrand Tavernier.

Sarlat, ruelas medievais

Sarlat, ruelas medievais

Cheguei em Sarlat com todas estas informações e não fiquei decepcionada. Ao contrário, flanando pelas ruelas, me disse que um dia voltarei para ficar mais tempo, conhecer com calma seus imóveis e monumentos.

Sarlar, cidade gastronômica

Sarlar, cidade gastronômica

Nós fizemos de Sarlat nosso ponto de partida para conhecer outras cidades da região. Chegamos numa quinta, mas deixamos o sábado inteiro para conhecê-la. Este é o dia ideal para caminhar pela cidade, dia da sua famosa feira de rua.

Sarlat, sábado, dia de mercado

Sarlat, sábado, dia de mercado

Na realidade, aos sábados temos dois mercados : o primeiro, o de objetos de decoração, roupas, acessórios e bugigangas. Este mercado se espalha rua République e a avenida Gambetta.

Sarlat, mercado aos sábados em torno da igreja

Sarlat, mercado aos sábados em torno da igreja

O segundo é o mercado gastronômico que se concentra em torno da igreja Sainte Marie e da Praça Liberté.

sarlat-23

A igreja Sainte Marie, na realidade, é um mercado. Ela foi reconvertida em mercado coberto pelo arquiteto Jean Nouvel. O grande arquiteto deixou intacta a igreja, acrescentando somente uma sóbria, impressionante e imensa porta de metal. A torre do sino da igreja se transformou em ponto de vista panorâmica da cidade, com um elevador do térreo até o último andar.

Sarlat, suas praças e cafés

O ponto central da cidade é a Place de la Liberté, cheia de cafés com varandas gostosas. No sábado, a praça fica lotada e alegre com as barracas da feira gastronômica vendendo foie gras, trufas, figos, nozes, queijo cabecou, vinhos.

Meu quarto no Plaza Madeleine de Sarlat

Meu quarto no Plaza Madeleine de Sarlat

Em Sarlat, nos hospedamos no Plaza Madeleine (1 place de la Petite Rigaudie). Esta praça fica entre a rue Liberté e a avenida Gambetta. O hotel está hiper bem situado, no centro da Salart medieval. O achei confortável, café da manhã delicioso e um excelente bar com distribuidor de vinhos em doses degustação. Para reservas seguras indicamos o site Booking.com (clique aqui).

Sarlat: restaurante Les Jardins d'Harmonie

Sarlat: restaurante Les Jardins d’Harmonie

Nós testamos vários restaurantes, pois jantamos todas as noites em Sarlat. Nosso preferido foi o Les Jardins d’Harmonie. Todos os restaurantes de Sarlat, e da região, privilegiam os produtos locais que são deliciosos. Mas no final de alguns dias precisamos de pratos mais leves. Os produtos servidos no Jardins d’Harmonie eram realmente de boa qualidade e os pratos saborosos. Mas a grande qualidade do restaurante é propor outras opções além do foie gras e confit de pato. O restaurante possui preços corretos, com um menu entrada + prato principal por 27 euros. Ele se encontra pertinho do hotel e é citado pelo guia Michelin e outros.

Informações práticas: Mercado de todos os produtos, aos sábados das 8.30h até 18h. Mercado gastronômico, aos sábados das 8.30h até 13h. Mercado Coberto, igreja Sainte Marie, Place de la Liberté, aberto todos os dias de maio até outubro, das 8.30h até 14h. De novembro a abril, aberto terça, quarta, sexta e sábado, das 8.30h até 12.30h.

Leia também outros excelentes artigos sobre o Périgord com relatos de viagem de duas leitoras do Conexão Paris. Um fornece dica de um restaurante entre Sarlat e Rocamandou (leia aqui) e outro explica porque conhecer esta região (leia aqui).

Como ir de Paris até Sarlat

  • Trem: a viagem tem cerca de 6h10 de duração, com baldeação na cidade de Libourne. Compre sua passagem antecipadamente – clique aqui – para garantir os melhores preços.
  • Carro: a viagem dura cerca de 5h20. Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França aqui.

MinhaViagemParis1Acesse o site Minha Viagem Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.