Por Rodrigo Lavalle

Apesar de Paris ser a capital do mundo da moda, a parisiense não é a mulher mais fashion victim que existe nesse mundo. Na maioria das vezes ela sabe o que lhe cai bem e seu estilo vai se adaptando e evoluindo com a idade. Como conseqüência, podemos observar que alguns itens estão sempre presentes no seu guarda-roupa do dia-a-dia e ela continua os comprando a cada nova estação:

01 – Camisa branca: simples, útil, elegante e clássica. A marca da brasileira Anne Fontaine (370 rue Saint-Honoré e 81 rue des Saints Pères) é especializada em camisas brancas de alfaiataria.

02 – Calça preta (alfaiataria): tão fundamental e clássica para um bom guarda-roupa quanto a camisa branca. O ideal é se ter vários modelos diferentes em variados materiais.

03 – Blazer preto: confere um ar elegante e chique a qualquer produção. A marca francesa The Kooples (191 rue Saint-Honoré e 61 rue de Rennes), que se inspira tanto na alfaiataria quanto no rock inglês, possui blazeres e paletós com bons cortes e materiais.

04 – Trench-coat: uma das peças de vestuário mais adequadas para o clima instável de Paris. O clássico dos clássicos é o trench-coat da marca inglesa Burberry (161 Boulevard Saint Germain) mas toda e qualquer marca (desde as de luxo até as de fast fashion) tem a sua versão. Até mesmo a cadeia de supermercados Monoprix vende trench-coats.

05 – Lenços, écharpes, foulards: usados em qualquer estação do ano seja no pescoço, na cabeça ou na alça da bolsa, eles transformam, colorem e tornam mais interessantes qualquer look. O lenço mais tradicional e chique é o carré da Hermès (24 rue du faubourg Saint-Honoré ou 17 rue de Sèvres) mas se consegue achar lenços interessantes nos brechós, nas lojinhas de souvenir e até mesmo nos camelôs parisienses.

06 – Bolsa clássica: Chanel, Hermès ou Louis Vuitton. Modelos discretos e sem muitas ferragens e penduricalhos. As mais jovens usam as bolsas das marcas Gerard Darel (174 Boulevard Saint Germain) e Vanessa Bruno – foto – (25 rue Saint Sulpice). São os novos clássicos.

07 – Sapatilha ballerine: o sapato padrão das ruas de Paris. As mais clássicas ballerines são as da marca francesa Repetto (22 rue de la Paix ou 51 rue du Four) que Brigitte Bardot adorava e ajudou a tornar célebres.

08 – Scarpin: apesar de não ser o sapato mais adequado para se  andar a pé em Paris, o scarpin é indispensável para um evento noturno ou mesmo para um dia especial no trabalho.

09 – Pele: em um país onde se consome quase todos os tipos de carne e foie gras, o uso de peles é algo natural. Seja um casaco, um colete ou uma estola, no inverno sempre se vê mulheres de todas as idades usando peles. Uma boa alternativa é comprar casacos de pele usados (mais baratos e um pouco mais politicamente corretos). O super brechó Kiliwatch (64 rue Tiquetonne) possui uma boa seleção a preços convidativos.

10 – Pouca Maquiagem: o look natural é a marca registrada da parisiense. A maquiagem é sempre leve e, às vezes, nem batom tem… Bons cremes e produtos de beleza podem ser comprados em qualquer farmácia ou grande cadeia de supermercado.

Estão sentindo falta de alguns itens? Veja aqui a segunda lista dos itens essenciais no guarda roupa das francesas.

Leia a proposta de consultoria do Rodrigo aqui.


França Entre Amigos oferece transfers, traslados e passeios privativos de carro com motorista brasileiro por Paris e pela França.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.