Uma semana após a inauguração da loja parisiense da marca japonesa, mostro para vocês a situação diante da porta de entrada da Uniqlo. Já vi filas idênticas a esta, mas na frente do endereço onde os estrangeiros conseguem a famosa carte de séjour, o documento que autoriza a nossa permanência no solo francês.

No início da semana, mais de 1.000 pessoas esperavam do lado de fora, na rue Scribe, o endereço da loja. Ontem, de acordo com o segurança, a fila estava pequena, umas 400 pessoas. Sem contar uma segunda fila interna, porque tudo acontece por etapas bem organizadas, de forma bem japonesa.

Em nome de uma certa coerência, eu que achava um absurdo fazer fila para pedir ao estado francês uma autorização para morar aqui, comprarei uma camisa Uniqlo quando puder entrar normalmente na loja.