No começo de dezembro passamos 3 dias no Hotel Le Strato, em Courchevel, uma das mais famosas e luxuosas estações de esqui da França e do mundo.

Courchevel é uma das mais famosas estações de esqui do mundo. Criada em 1946 em um local totalmente virgem, a estação abrange cinco vilarejos, nomeados de acordo com suas altitudes: Courchevel 1100, Courchevel 1300, Courchevel 1550, Courchevel 1650 e Courchevel 1850 (o mais top em todos os sentidos).

Courchevel 1850 (foto: Gerson Lírio)

Courchevel é também a estação de esqui mais luxuosa do mundo. A concentração por metro quadrado de hotéis 5 estrelas (17), hotéis palácios (3) e restaurantes estrelados Michelin (8) só perde para Paris.

Mas Courchevel é, principalmente, o paraíso dos amantes do esqui e também de quem gosta de atividades mais leves como a caminhada na neve (esqui cross-country e raquette). A estação faz parte do complexo Les 3 Vallées, a maior área esquiável interligada do mundo, formada por oito estações de esqui conectadas por 169 teleféricos, somando 321 pistas espalhadas em 105 km². Além disso, 80% das pistas de Courchevel estão acima de 1.800 metros de altitude, o que garante neve em todas as estações do ano.

Esquiando em Courchevel (foto: Gerson Lírio)

No começo desse mês passamos 3 dias em Courchevel em uma viagem de imprensa com jornalistas brasileiros, ingleses e franceses. Mais especificamente ficamos em Courchevel 1850 e mais especificamente ainda no Hotel Le Strato.

O Hotel Le Strato, em Courchevel

Um pouco de história

Antes de se aventurar no ramo da hotelaria, Laurent Boix-Vives, era dono da mítica marca de equipamentos e roupas de esqui Rossignol. Em 1965, ele criou o 1° esqui feito de fibra de vidro, uma verdadeira revolução no esporte, ao qual deu o nome de Strato. Em 2005, Laurent vende a Rossignol e, 4 anos depois, juntamente com sua esposa Janine, abre o hotel que foi batizado com o nome de seu famoso esqui, Le Strato.

O hotel

O Strato é um hotel 5 estrelas familiar, ou seja, ele continua pertencendo à família Boix-Vives e não a uma grande cadeia hoteleira. Apesar de pequeno – apenas 25 quartos – o Strato possui o selo Small Luxury Hotels que foca em hotéis independentes de alto nível de luxo.

O Hotel Le Strato (foto: Gerson Lírio)

Como muitos dos hotéis em Courchevel, o prédio do Strato emula um chalé de madeira nas montanhas. Porém, diferente de outros hotéis em Courchevel, que apostam no tema alpino também na decoração, o interior do Strato é decorado de forma contemporânea e chique com pequenos toques “típicos” como as mantinhas e almofadas de pele (sintética). Isso torna a ambiance geral mais leve, clean e sofisticada sem perder o lado aconchegante e quase “doméstico”, nos sentimos em casa.

O bar do Hotel Le Strato (foto: Gerson Lírio)

Os quartos

Nós ficamos em uma das suítes duplex: no 1° andar há uma salinha, canto escritório, banheiro completo e varanda. No 2° andar, o quarto e outro banheiro, dessa vez com banheira. Um dos pontos altos das suítes duplex é o teto inclinado e revestido de madeira, o que dá a sensação de estarmos em um pequeno chalé nas montanhas; nosso chalé nas montanhas! O serviço é perfeito, atencioso e cheio de mimos, toda noite havia uma caixinha de chocolates sobre o travesseiro.

O 1° andar da suíte duplex do Le Strato

No total, o hotel possui 25 quartos e suítes super aconchegantes, de bom tamanho (o menor tem 39m²) e com belíssimas vistas para as montanhas ao redor. Há até mesmo quartos que se abrem diretamente para a neve, além de um chiquérrimo chalé individual de 140m².

O 2° andar da suíte duplex

Demais atrações

Para os amantes do esqui, o Strato é perfeito! Além de estar diretamente conectado às pistas (você já sai do hotel com o esqui nos pés), o hotel possui um Ski Room onde é possível alugar todo o equipamento necessário – seja para o esqui seja para a caminhada na neve – com a assessoria de funcionários especializados e atenciosos. Caso você precise de um professor ou instrutor, é só pedir ao concierge do hotel.

Para aqueles que estão mais no clima de relaxar, o Strato conta com um spa com produtos da marca Sothys (onde é possível fazer massagens corporal ou facial); saunas seca e úmida; jacuzzi e uma piscina interna aquecida incrível com acesso direto para a neve.

Momento massagem (foto: Gerson Lírio)

O lounge do spa (foto: Gerson Lírio)

Dizem que os russos adoram se jogar na neve depois da piscina quente. Nós preferimos não fazer essa mistura e nos contentamos com as massagens e os banhos de piscina pós-caminhada na neve e pré-jantar.

A piscina interna aquecida do Le Strato (foto: Gerson Lírio)

Além de todos esses luxos, o Strato conta também com um restaurante 1 estrela Michelin, o Baumanière 1850. Comandado pelos chefs Jean-André Charial – também dono do L’Ostau de Baumanière, na Provence – e Lowell Mesnier, o restaurante faz um mix delicioso da cozinha tradicional francesa com a cozinha mediterrânea provençal e a cozinha da montanha. O Baumanière 1850 está aberto a todos (hóspedes e não hóspedes) para almoço e jantar. Clique aqui para ver os cardápios.

Informações práticas

Hôtel Le Strato: rue de Bellecôte, 73120 Courchevel 1850, France. Tel. +33(0)4 79 41 51 60

Tarifas a partir de 980€ por noite na baixa temporada (14/01/2018 a 11/02/2018 e 11/03/2018 a 08/04/2018) e a partir de 1.420€ por noite na alta temporada (17/12/2017 a 14/01/2018 e 11/02/2018 a 11/03/2018). Clique aqui para fazer sua reserva.

Como chegar a Courchevel

  • De trem de Paris até a cidade de Moûtiers Salins-les-Thermes (durante a alta temporada, 09/12/2017 a 22/04/2018) ou até a cidade de Chambéry (nos demais meses do ano). Em seguida, transfer até Courchevel (o hotel organiza). Clique aqui para pesquisar horários dos trens e comprar sua passagem.

hotel le stratoNo site Minha Viagem Paris você vai descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.