Uma das muitas coisas que surpreendem os turistas brasileiros em Paris é o horário de funcionamento do comércio. A grosso modo as lojas fecham por volta das 19:00 e, salvo pela avenida Champs Élysées e pela região do Marais, elas não abrem aos domingos.

CHAMPS

Avenida Champs Élysées (foto: Mike Norton no Flickr)

E como isso é possível na cidade mais turística do mundo? As respostas são as leis trabalhistas e sindicatos fortes misturados a um estilo de vida não totalmente focado no trabalho e no consumo.

Porém, a partir desse outono, isso começa a mudar. Paris passará a contar com 12 “zonas turísticas internacionais” (ZTI), nas quais as lojas poderão (não é obrigatório) abrir aos domingos e até meia-noite durante a semana. São elas: Saint-Germain; Rennes – Saint-Sulpice; Olympiades – Italie2; Saint-Emilion – Bibliothèque (região de Bercy); Marais (sem a Place de la République mas com a ilha Saint-Louis); Les Halles; Saint-Honoré – Vendôme; Montmartre; boulevard Haussmann, Maillot – Ternes; Champs-Elysées – Montaigne (o Triângulo de Ouro) e o centro comercial Beaugrenelle (próximo à Torre Eiffel).

carte-zone-touriste

Mapa retirado do site da France 24

Essas zonas são, em teoria, as mais frequentadas pelos turistas que, ao que parece, são a principal preocupação do governo. Áreas bem comerciais, porém menos turísticas como Passy e a rue du Faubourg Saint-Antoine, ficaram de fora das ZTIs.

A lei foi criada pelo Ministério das Finanças francês e, de acordo com o seu ministro Emmanuel Macron, visa o aumento do número de empregos e o crescimento da economia. Quem não ficou muito feliz com a novidade foi a prefeita de Paris, Anne Hidalgo. Segundo ela a decisão foi tomada sem ouvir as autoridades e os interessados locais e “com pouco conhecimento do tecido comercial parisiense“. Ela escreveu uma carta ao ministro citando, entre outras coisas, o “fantasma de uma cidade inteiramente dedicada ao consumo“. Errada ela não está.

Na prática, algumas grandes lojas, como as Galeries Lafayette, já começaram a abrir em alguns domingos, mas ainda não há um consenso geral entre elas.


A Travel Wifi aluga dispositivos portáteis que fornecem conexão wifi e também vende chips para celular que funcionam na França e Europa.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.