Saint-Germain é o nome dado à região que fica em volta do Boulevard Saint-Germain, nos bairros 6 e 7 de Paris, entre o rio Sena e o Jardim de Luxembourg.

Trata-se de uma das regiões parisienses mais conhecidas pelos turistas. Mesmo quem nunca veio a Paris a conhece, graças a filmes e livros clássicos como o Meia-Noite em Paris de Woody Allen e Paris é uma Festa de Hemingway.

Os cafés Flore e Deux Magots, citados em absolutamente TODOS os guias turísticos da cidade, são alguns dos pontos frequentados por Hemingway, Zelda e Fitzgerald, Sartre e Simone de Beauvoir e assim por diante.

Café de Flore, ícone de Saint-Germain.

Café de Flore, ícone de Saint-Germain. Foto de sanfamedia.com no Flickr.

Locais históricos, sim. Mas, hoje, vítimas do próprio sucesso, vivem abarrotados de turistas. Deixaram de ser pontos literários para se tornar cenários de selfies.

Mas Saint-Germain ainda guarda segredos que a maioria dos turistas desconhece. No nosso guia Paris: Cinco Roteiros em Quatro Dias, um dos roteiros é dedicado a esta região, passando pelas ruas discretas de dentro do bairro, com suas lojas e hotéis de charme, patisseries e chocolaterias, antiquários e galerias de arte. As percorrer essas ruas, você vai entender porque a região ainda é residência de uma elite intelectual que não abandona a Rive Gauche – e luta para salvá-la da descaracterização completa.

Assista o vídeo para descobrir alguns endereços simpáticos e emblemáticos de Saint-Germain.

Endereços citados no vídeo:

  • Cafés:
    Café Flore: 172 boulevard Saint-Germain
    Café les Deux Magots: 6 Place Saint-Germain des Prés
  • Patisseries (confeitarias) e chocolaterias:
    La Maison du Chou: 7 Place de Furstenberg
    La Patisserie des Rêves: 93 rue du Bac
    Jacques Genin: 27 rue de varenne
    Des Gâteaux et du Pain: 89 rue du Bac
  • Compras:
    Carré Rive Gauche: 16 rue des Saints-Pères
    Rue du Bac
  • Mercado gastronômico:
    La Grande Épicerie de Paris: 38 rue de Sèvres
  • Restaurantes:
    L’Avant-Comptoir: 3 Carrefour de l’Odéon
    Zé Kitchen Gallery: 4 rue des Grands Augustins


O segredo é simples: flanar. Saia do Boulevard Saint-Germain e caminhe pelas pequenas ruas de dentro do bairro. Para ajudar a traçar seu roteiro, conheça os guias do Conexão Paris à venda na nossa lojinha:

(Coincidências da vida: ontem, ao finalizar este texto, fui para o Hotel Molitor participar de um coquetel promovido pela Air France. Lá, conheci Floriana Striker, do blog Nômades Digitais. Seus pais escolheram seu nome em homenagem ao Café de Flore.

Floriana, do blog Nômades Digitais. Seu nome é uma homenagem ao Café de Flore.

Floriana, do blog Nômades Digitais. Seu nome é uma homenagem ao Café de Flore.

Antes de vir para Paris, Floriana prometeu ao seu pai que iria pelo menos dar uma passadinha lá no Flore – promessa não cumprida. Flor, da próxima vez, venha a Paris, passe no Flore e siga nosso roteirinho por Saint-Germain.)

Veja também:

Visite e assine o canal do Conexão Paris no You Tube.