Barcos no Porto

Barcos no Porto Arsenal, na Bastille

Por Maurício Christovão

Num ensolarado domingo de verão, resolvemos finalmente fazer o passeio de barco pelo badalado Canal Saint-Martin. Antes percorremos a pé um trecho da Promenade Plantée ou Chemin Vert, entre o Jardin de Reully e a Place de la Bastille. Em seguida, almoçamos na praça e depois subimos a bordo de um barco da empresa Canauxrama que faz o percurso, ida e volta, do Port Arsenal, na praça Bastille, até a Bassin de la Villette. Uma viagem de aproximadamente 2:30h.

O Canal tem aproximadamente 4,5 km e ele se conecta aos Canais de Saint Denis e do Ourcq, que são vias de transporte de carga para dentro e fora de Paris.

Os barcos que fazem a rota são o “Michel Carné” e o “Arletty” e eles partem quase na mesma hora, em sentidos opostos. São barcos com capacidade de 200 a 250 passageiros, divididos entre a parte coberta e o convés superior, com um pequeno bar e toalete a bordo. A navegação é lenta e confortável. Uma curiosidade: Michel Carné e Arletty são respectivamente o diretor e a atriz de “Les Enfants Du Paradis”, filme francês de 1945.

Esse canal é uma obra de engenharia interessante. Ela foi criada em 1805 para o transporte de mercadorias que abasteciam Paris e em seguida evoluiu para acompanhar o crescimento da cidade. Em 1860 o barão Haussmann, sempre ele, mandou rebaixar o leito do canal permitindo a sua cobertura e a criação do boulevard Richard-Lenoir sobre o seu trajeto.

Canal Saint Martin, parte coberta

Canal Saint Martin, parte coberta

Esse trecho, por baixo do boulevard é bastante longo, iluminado por orifícios protegidos por telas e jardineiras. A luz que penetra dá um certo ar fantástico à travessia do túnel. Nós e as crianças nos sentimos grandes aventureiros!!!

Ponte sobre o Canal Saint Martin

Ponte sobre o Canal Saint Martin

Os barcos com os turistas também são atrações para as pessoas nas margens, nas pontes e em outros barcos no canal. Fotografávamos as pessoas e estas também nos fotografavam de volta. O mesmo para os sorrisos e acenos. Muito divertido!

Canal Saint Martin, passeio de barco

Canal Saint Martin, passeio de barco

Como somos animadinhos, pegamos os lugares mais à frente para vermos melhor o funcionamento das eclusas, mas um aviso: as eclusas não fecham perfeitamente e os jorros d’água (nada grave) molham as primeiras filas das cadeiras.

Ao nosso lado duas elegantes senhorinhas francesas abriram seus guarda-chuvas e resistiram impávidas ao chuvisco. Nós recuamos prudentemente mais para o meio do barco e voltamos aos nossos lugares quando a eclusa abriu.

Canal Saiant Martin

Canal Saint Martin

O entorno do Canal de Saint Martin está na moda, com seus barzinhos e gente “descolada” que os frequenta. É interessante observá-los com a perspectiva de dentro do próprio Canal.

Canal Saint Martin, grafittis

Canal Saint Martin, grafittis

Passamos pelo Quai de Jemmapes e vimos uma Paris diferente, mais popular, menos turística e sempre vibrante. Por aí começam a aparecer os grafittis em várias superfícies e até em caminhões de carga, tudo muito colorido.

Canal Saint Martin, modelismo

Canal Saint Martin, modelismo

Alguns nautimodelistas pilotavam seus barquinhos nas margens do canal.

Canal Saint Martin

Canal Saint Martin

No Bassin de la Villette a festa corria solta naquele domingo: embarcações coloridas com alegres tripulações,

Canal Saint Martin, pedalinhos

Canal Saint Martin, pedalinhos

pedalinhos, caiaques, antigas “peniches” transformadas em moradias ou restaurantes e os bares cheios de gente. Animação total!

Parque de la Villette, La Geode

Parque de la Villette, La Géode

Um pouco mais à frente fica o Parc de la Villette, muito procurado pelas famílias, nos finais de semana. Do barco, vimos a enorme esfera prateada, o La Géode, um cinema do tipo 360º, e a Cité des Sciences et de l’Industrie, ao lado.

O Parc é dividido pelo canal, mas uma curiosa ponte móvel com motor de pôpa se abre para a passagem das embarcações. Ali há um ponto de desembarque, este é o final do passeio. Mas se você comprar outro ticket, pode voltar com o barco ao Port Arsenal.

A estação de metrô mais próximo ao Bassin de la Villette é o Jaurès; no Port Arsenal, a estação Bastille. É um bom passeio, mas recomendo filtro solar para quem for no andar de cima do barco.

Uma maneira divertida de conhecer uma outra Paris.

Site oficial do passeio: www.canauxrama.com