Por Sandra Midori Kuwahara Sasaki

Acabei de chegar de Paris e quero deixar registrado que amei! Suas orientações foram essenciais para a minha viagem, por isso quero agradecer de todo o coração tudo o que fez por mim nestes últimos meses! (sim, foram meses lendo o site Conexão Paris e enviando e-mails sobre todas as dúvidas e inseguranças de marinheira de primeira viagem e você sempre respondendo tudo!)
Fiquei 18 dias e decidi não me amarrar a roteiros, me permiti flanar sem pressa e foi a melhor experiência da minha vida! Sabe quando você olha para o céu de manhã e pensa: acho que hoje é um bom dia para ir ao Musée d’Orsay! E sai a pé entrando nas lojinhas, tomando um sorvete Amorino, olhando as pessoas, entrando em parques, vendo as crianças brincando ou simplesmente sentando às margens do Sena para descansar os pés? Foi assim a minha viagem… a melhor da minha vida!

Meus museus preferidos?

1: Musée d’Orsay. Porque vivenciei momentos mágicos, talvez por não permitirem tirar fotos lá dentro. Vi pessoas de todas as nacionalidades, de todas as idades, de várias classes sociais interagindo silenciosamente. As obras de arte podiam ser apreciadas e guardadas dentro da gente. As cores e pinceladas de Van Gogh permanecem frescas na memória. Fiquei anestesiada por um bom tempo… depois subi e reconheci o café Campana pelas fotos que vi no Conexão Paris. Sentei e fui muito bem atendida. Olhei o cardápio e estava tão quente que merecia um sorvete! Pedi um “Coupe Colonel Cachaça”. Imagine um calor de matar, eu cansada de tanto andar e tomando praticamente uma caipirinha de sorvete de limão! Foi inesquecível! Ainda mais olhando para o relógio… Até mesmo aqueles enormes pingentes dourados que decoram o café davam um clima especial para o lugar. Depois fui lá na varanda e fiquei curtindo mais um pouco Paris vista de cima.

2: Musée Cluny. Porque dá uma sensação de que o mundo parou. Vivenciei o tempo Kairós, aquele que nos leva a uma parte da história que está viva em cada canto desse lugar. Ver uma menininha francesa de aproximadamente 2 anos de idade dizer “Uau!” diante dos vitrais coloridos da Idade Média não tem preço. Parecia que ela “sentia” a importância  do momento. Todo o cansaço e a dor que sentia nas minhas pernas desapareceram. Bom, e nem preciso falar da tapeçaria, uma obra à parte.

3: Centre Pompidou. Porque ele é vibrante. Ele mexe com todos os sentidos e dá a sensação de que é no presente, no pensar o hoje que construiremos o amanhã. Ele é dinâmico, colorido, transparente. Lá de cima dá para ver a cidade, a Torre, a vida

Bom, eu chorei ao ver a Torre Eiffel pela primeira vez, eu escrevi uma prece de agradecimento e coloquei na urna de Notre Dame, eu me perdi no Marais, eu quebrei a crosta crocante e comi um Crème Brulée na cafeteria da Amélie Poulin, eu acenei para pessoas desconhecidas quando naveguei pelo Rio Sena e elas acenaram de volta com um sorriso, eu fiquei deitada na grama comendo meu torrone na Place Dauphine ouvindo as crianças brincando e vendo os parisienses lendo seus livros. Eu fui todos os dias no Jardim de Luxemburgo e, num domingo ensolarado, sentei numa das cadeiras do lago redondo onde as crianças brincam com os barcos que tem as bandeiras de todos os países do mundo. Me emocionei vendo um deles com a bandeira do Brasil… Tudo isso está guardado dentro de mim.

Amei os franceses, amei Paris, mesmo com o preço caro das coisas, mesmo com a dificuldade de falar inglês e francês, mesmo me sentindo invisível no meio daquela multidão de turistas. Ao mesmo tempo que vemos o xixi no metrô com seu cheiro característico, ouvimos a música de um dos artistas ecoando nos corredores das galerias. Andamos nas ruas e ouvimos todos os idiomas do mundo. Descobri, enfim, que o sorriso, a educação e o respeito são linguagens universais e se você respeita o mundo, o mundo também respeita você.

Você nem imagina como é importante o trabalho que faz com os brasileiros! Espero que sempre tenha sucesso em tudo que fizer! Muito obrigada por tudo! Tudo mesmo!

 

 

 

 

 

 


A Travel Wifi aluga dispositivos portáteis que fornecem conexão wifi e também vende chips para celular que funcionam na França e Europa.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.