A história : o mundo muda sem parar mas a natureza humana continua idêntica à ela mesma.

Na época de Choderlos de Laclos, escritor francês do século XIX, os amantes trocavam cartas em jogos de sedução. Mais tarde o telefone substituiu o papel e a caneta.

Hoje, o desenvolvimento da internet, dos SMS e das redes sociais provocou um formidável retorno ao escrito nas relações amorosas.


O grande  John Malkovich, um Valmon inesquecível no filme acima de Stephen Frears, escolheu esta mise en scène e este olhar contemporâneo para a peça de teatro que dirige e que  está em cartaz em Paris até final de junho.

No palco quase vazio, ele reuniu um grupo composto principalmente de jovens atores que encarnam os personagens de Choderlos de Laclos. Juntos eles recriam as intrigas da famosa obra da literatura francesa, Les Liasons Dangereuses.

Para aqueles que ainda não leram o livro, recomendo. Ou então vejam o filme.

Onde: no Theâtre de l’Atelier. Do dia 12 de janeiro até final de junho. Reservas por aqui.