França: um passeio por Albi

França: um passeio por Albi

Por Márcia Lube

 

Dia ensolarado, perfeito para esse passeio: saímos de Toulouse e fomos por uma route scènique até ALBI, pequena cidade – Patrimônio da Unescona região do Midi-Pyrénées, banhada pelo Rio Tarn.

Logo na chegada, a Catedral de Santa Cecília domina a cena. Construída nos sec XIV/XV,toda em tijolos é, desse tipo, a maior do mundo. O baldaquino lateral, de 1530, é uma maravilha, chef-d’ouvre du gothique flamboyant.

.

Visitamos também o Museu Toulouse Lautrec.

Albi é uma cidade medieval que recebeu adaptações mas que mantém muitas partes autênticas e  muito bem conservadas. O Rio Tarn e as pontes de Albi são lindas.

Auberge Du Pont Vieux, uma grata surpresa: local despojado e charmoso, com menu-dégustation tão saboroso, que nada ficou a dever a um restaurant étoilé.

.

Tronçon de carrelet rôti sur l’arrête, pommes de terre grenaille confites, champignons en parsillade, fumet de poisson noisette.

.

Filet de volaille des Landes poché, orzo pasta aux champignons, sauce crème.

Macarron Poire Belle-Hélène, poire en gelée de vanille, sorbet poire. Degustamos um vinho branco de um viticultor local. Ménu-degustation com entrada, prato principal e sobremesa por apenas 18 euros!

Em seguida, visitamos Cordes sur Ciel , outra jóia imperdível. Encerrando o dia, voltamos a Toulouse, preparamos as malas para seguir a viagem, pois Paris nos aguardava, e  degustamos um Petit Clos, de Cahors,vinho de uma região que há muito me aguçava a curiosidade.

Observação: nesta região vale a pena conhecer as cidades de Toulouse, Carcassone e o viaduto de Millau. O ideal seria dormir duas noites por lá.


Vai para Paris? Reserve sua passagem no site oficial da Air France - o melhor preço para mais de 900 destinos em todo o mundo.
O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.
Últimos pitacos (3/35), ver todos os comentários
  • "Marta, a leitora que escreveu o artigo acima ..."

    Rodrigo Lavalle
  • "Chegarei a Toulouse no dia 30de dezembro 2015 ..."

    Marta alencar
  • "Fiquei emocionado de ver comentários sobre a ..."

    Philippe Combes
Deixe seu pitaco