Atentados em Paris

Atentados em Paris

Em nosso artigo após os atentados de janeiro de 2015 nós dizíamos que já havíamos, eu e minha filha, vividos outras vagas de atentados em Paris.

Estes atentados não foram tão violentos como os do dia 13 de novembro. Este último teve por alvo as varandas dos cafés de Paris, símbolos de uma capital que atrai turistas do mundo inteiro.

Os parisienses já possuem os reflexos necessários para viver a ameaça terrorista no cotidiano. Assim como nós, brasileiros, dominamos a arte de sobreviver à violência urbana no cotidiano.

A violência existe em quase todas as sociedade, o que muda é sua forma e sua manifestação.

Os franceses e os brasileiros, após cada ato de violência, mostram a capacidade de superação e recuperação.

No sábado, após os atentados de sexta a noite, caminhei pela Opéra, pelo Jardim Tuileries, pela Concorde. E hoje, domingo, fui até Montmartre sentir a cidade. Os parisienses saem para suas compras, os pais passeiam com os carrinhos dos bebês e os famosos carrosséis de Paris continuam girando. Hoje de tarde o bairro Marais estava cheio e todas as varandas de cafés lotadas.

A vida continua.

Informações gerais

  • O governo francês decretou o estado de urgência e algumas pessoas no Brasil pensam que esta medida inclui o toque de recolher. Dentro do estado de urgência existe esta medida. Mas ela não foi acionada. O estado de urgência é um regime a parte que aumenta os poderes da autoridade administrativa. Ele pode ser estabelecido com uma duração máxima de 12 dias. Ele permite sobretudo a limitação de circulação de veículos em áreas precisas.
  • O governo francês decretou também o estado de luto nacional para os dias 15, 16 e 17 de novembro. Em respeito ao luto nacional, algumas atrações ficarão fechadas, como por exemplo a Disneyland Paris.

Apesar do estado de urgência e do luto nacional, a vida cotidiana continua normalmente. E numerosos são os parisienses que se ajuntam nos locais do drama em homenagem às vítimas. Sábado a noite, a praça République ficou cheia e iluminada por velas.

Informações precisas

  • Todas as manifestações nas ruas de Paris estão proibidas até o dia 19 de novembro. Entre elas as feiras, os mercados, os brechós, a feira de Natal da Champs Élysées, o acesso à roda gigante, os eventos nas margens do Sena.
  • Neste domingo os museus assim como a torre Eiffel ficarão ainda fechados.
  • O Cabaré Lido, assim como alguns cinemas ficarão fechados neste domingo.
  • O Château de Versailles abrirá somente na terça-feira dia 17 de novembro.
  • Disneyland Paris abrirá suas portas somente na quarta-feira dia 18 de novembro.
  • Todos os transportes funcionam normalmente: metrô, ônibus, RER e tramway. A pedido da polícia, somente a estação Oberkampf do metrô continua ainda fechada.
  • Atenção, aumento dos controles nos aeroportos de Paris. Chegue mais cedo para compensar o aumento do tempo de embarque.
  • A Conferência sobre o clima de Paris – COP21 – não será anulada e Obama confirmou sua presença.

 


França Entre Amigos oferece transfers, traslados e passeios privativos de carro com motorista brasileiro por Paris e pela França.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.