Por Mauricio Christovão

Um bom programa do tipo dois-em-um é assistir a um espetáculo de música, luzes e cores numa pedreira desativada e depois visitar um castelo numa montanha de pedra com uma belíssima vista dos arredores. Estou falando das Carrières de Lumières e de Baux-de Provence, que ficam próximas a Arles (15 km) ou Avignon (30 km).

Sugiro assistir ao espetáculo audiovisual antes da visita ao castelo. Este tem uma bela subida em pedra, o que pode ser um tanto cansativo. Vale a pena comprar o ingresso que dá direito ao acesso aos dois locais com um pequeno desconto.

Quando estivemos lá, em setembro de 2014, estava em cartaz a apresentação das obras de Klimt e outros pintores vienenses do começo do Século XX. A partir de março de 2015 até janeiro de 2016, outro time de pesos-pesados: Miguel Ângelo, Da Vinci e Raphael.

Carrières

Carrières

Carrière quer dizer pedreira e esta forma um cenário realmente impressionante. Da extração dos blocos de pedra ficaram grandes cavernas com paredes e teto retos, com pé direito bastante alto, permitindo a projeção das obras dos artistas embaladas por música especialmente selecionada.

Carrières de Lumière

Carrières de Lumière

O efeito é emocionante e recomendo fortemente a visita ao local. É melhor levar um agasalho leve, mesmo no verão, lá dentro, pode fazer frio.

Carrières de Lumière

Carrières de Lumière

O espetáculo dura aproximadamente uma hora, mas a sessão é contínua, você pode chegar a qualquer momento e esperar passar de novo o ponto em que começou a assistir. Você pode sair da sala de projeção e acessar uma lanchonete pelos fundos, mas a saída definitiva é pela mesma porta de entrada, onde está a loja de lembranças.

Carrière possui um estacionamento grátis.

Baux de Provence

Baux de Provence

A 800 metros dali está o castelo de Baux-de-Provence que não é muito grande, mas tem um pátio bastante extenso onde existem catapultas de diversos tipos e tamanhos, todas operacionais. No verão acontecem demonstrações dessas antigas máquinas de guerra, mas quando estivemos lá nada aconteceu.

Vista, Baux de Provence

Vista, Baux de Provence

Lá em cima a vista das fazendinhas com as plantações de oliveiras é belísima, alcançando vários quilômetros. Pela posição esse castelo devia ser um ponto estratégico da região e hoje ainda impressiona.

Baux de Provence

Baux de Provence

A pequena vila em volta do castelo tem o de sempre: lojinhas de lembranças, restaurantes, cafés, além da igreja de Notre Dame de Beauvoir. Um aviso lembra que não há banheiros lá em cima, logo previnam-se antes de subir…

Baux de Provence

Baux de Provence

O castelo também tem um estacionamento, mas esse é pago.

Observação do Conexão Paris: se quiserem informações sobre a Provence, leiam os 18 artigos que já publicamos aqui, inclusive um sobre a visita da maravilhosa Carrières de Lumière. Cliquem aqui.

Como chegar em Baux de Provence saindo de Paris

. De trem. Não existe estação de trem em Baux de Provence, mas é possível ir até cidades próximas como Arles e Avignon e depois pegar carro ou ônibus. Os preços variam de acordo com o mês, o dia da semana e a hora. E se comprar sua passagem com antecedência – clique aqui – consegue preços mais baratos ainda.

. De carro. Passando por Beaune, Lyon, Avignon. Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França aqui.

. De ônibus. É possível ir de ônibus até a charmosa Avignon. Esta é a opção mais barata – preços a partir de 22 euros – e a mais longa, 9h15 de trajeto. Consulte valores e faça a compra da passagem pelo site da empresa de ônibus OuiBus (clique aqui).


Carrières de Lumières

Conheça o guia do Conexão Paris O Essencial da Provence. Ele traz 6 roteiros incríveis para que você conheça o melhor da Provence em uma semana. Acesse nossa agência online Minha Viagem Paris para descobrir e reservar passeios incríveis pela Provence e Côte d’Azur, em Paris e pelo interior da França.