A partir do dia 1 de julho, a prefeitura de Paris envia multas de 750 euros para aqueles que deixaram as luzes acesas à noite.

A lei é simples: fachadas de prédios públicos e vitrinas de lojas estarão apagadas de 1h até 7h da manhã. Os escritórios deverão apagar as luzes até no máximo 1 hora após a saída do último funcionário.

Estas medidas evitam a emissão de 250.000 toneladas de CO2 e representam uma economia em eletricidade de 200 milhões de euros.

A lei estabelece que os prefeitos podem conceder autorizações especiais, nas vésperas das férias e do Natal, para o comércio situado nas zonas mais turísticas como Champs Élysées, Montmartre, Rue de Rivoli e Place des Vosges.

Ufa! As famosas decorações de fim de ano das Galerias Lafayette e Printemps estão salvas.