Conheça os jantares excepcionais no castelo de Versailles: menu, louças e ambiance inspirados nos períodos áureos do castelo mais famoso da França.

Em Versailles, Louis XIV e a rainha jantavam todos os dias às 22 horas. À mesa, somente os soberanos, seus filhos e netos. Na mesma sala, um público imenso assistia, todos os dias, ao jantar do Rei. Na primeira fila, alguns bancos para as duquesas. Os outros membros da corte ficavam em pé.

Jantares excepcionais no castelo de Versailles

A Anticâmera do Grand Couvert

Esta cerimônia se chamava Le Grand Couvert e foi criada por Louis XIV que a considerava uma manifestação da soberania do rei. Louis XV e Louis XVI não a apreciavam e Maria Antonieta a detestava.

Jantares excepionais no castelo de Versailles

O restaurante Ore, situado dentro do castelo de Versailles e comandado pelo grande chef francês Alain Ducasse, propõe jantares excepcionais inspirados em antigas tradições culinárias e na rotina das cortes de Louis XIV, Louis XV, Louis XVI e Maria Antonieta.

Esses jantares acontecem às 19:30, após o fechamento do castelo, e os lugares são super limitados. O valor de cada um é 350€ por pessoa, sem bebidas, e 500€ por pessoa com harmonização de vinhos. Reservas pelo telefone +33 1 30 84 12 96 ou email ore@ducasse-chateauversailles.com

Veja abaixo os temas e datas.

Les Petits Primeurs Du Roi – 25 de abril

Em 1678, Louis XIV ordenou a criação de uma horta – sob a direção do advogado, jardineiro e agrônomo Jean-Baptiste de La Quintinie – para cultivar os mais diversos legumes e verduras, mas especificamente o petit pois – nossa ervilha – que o rei a-ma-va! Para o jantar Les Petits Primeurs du Roi, realizado no começo da primavera, o chef Stéphane Duchiron, criou um cardápio em torno dos primeiros legumes da estação, mais macios e delicados.

Les Délices De La Reine – 09 de julho

Construído a pedido de Marie Antonieta, o Hameau de la Reine abriu suas portas novamente ao público em 2018, após um longo período de restauração. Inspirado nas “refeições de sociedade” oferecidas pela rainha, o chef Stéphane Duchiron criou um menu baseado nos vegetais da estação. Tudo será servido no conjunto de porcelanas ‘Marie Antoinette’ da Manufatura Real de Sèvres, reeditado para a ocasião.

Le Souper de Chasse – 17 de outubro

Versalhes nasceu da caça – entretenimento real e aristocrático. A refeição feita após a caça também era um momento de relaxamento e sociabilidade para o qual às mesas eram preparadas com toalhas brancas e pratos e taças de prata. O jantar Le Souper de Chasse faz referência aos jantares realizados em Versailles quando o castelo era apenas um pavilhão de caça. O menu gira em torno dos pequenos animais de caça, acompanhado pelos melhores vinhos da França.

Jantares excepcionais no castelo de Versailles

Jantares excepcionais no castelo de Versailles: Le Souper de Chasse – 17 de outubro