Acontece até o dia 21/04 o leilão de móveis e objetos que pertenciam ao Hotel Ritz, o famoso hotel na Place Vêndome, em Paris, que passou por uma super reforma.

Temos um carinho especial pelo Hotel Ritz, verdadeira instituição parisiense situado na Place Vêndome. Ele pode não ser o o hotel mais moderno, o mais chique ou o mais bonito de Paris, mas é certamente o mais clássico e mítico de todos eles.

O Hotel Ritz em Paris

Desde sua abertura, em 1° de junho de 1898, por ali passaram e se hospedaram grandes nomes da história do século XX: Marcel Proust, Colette, os Rothschild, os Vanderbilt, Jean Cocteau, F. Scott Fitzgerald, Charlie Chaplin, Jean-Paul Sartre etc.

Coco Chanel viveu no Ritz durante 37 anos, até a sua morte em 1971. Audrey Hepburn rodou 3 filmes no hotel. Ernest Hemingway era tão assíduo que um dos bares foi batizado com o seu nome. Ele dizia que o Ritz era o último degrau antes do paraíso. E foi o Ritz o último lugar onde a Princesa Diana esteve antes de sua morte trágica em 1997.

A reforma

Apesar de todo o seu charme, requinte e fama, o Ritz vinha ficando um pouco defasado. A fim de modernizá-lo – tanto na estética quanto na tecnologia – e adaptá-lo às novas demandas do mercado de luxo, foi feita uma super reforma que consumiu 140 milhões de euros e 4 anos de trabalhos.

Reforma quase artesanal do Ritz

O leilão

Muitos dos antigos móveis e objetos que pertenciam aos salões, bares e suítes mais famosos do hotel – o Salão Proust, o Bar Hemingway, a Suíte Windsor (onde o Duque a a Duquesa de Windsor se hospedavam) e a Suíte de Mlle C. (onde Chanel morava) – estão sendo leiloados até o dia 21/04 pela casa de leilões parisiense Artcurial. Caso você queira um pedaço de história, é possível dar lances pelo site. Há itens cujo preço inicial é 60€.

Reconstituição da Suíte Windsor

Uma exposição mostrando esses móveis e objetos em reconstituições dos ambientes citados acima ficou montada na sede da Artcurial até o dia 16/04. Isoladamente havia peças bem interessantes mas a impressão geral era que o hotel realmente estava preso ao passado, no que diz respeito à estética, e precisava de uma refrescada. Os ambientes beiravam o kitsch no seu rebuscamento à la Versailles, o que muitos vezes é associado à elegância e ao chique.

Reconstituição da Suíte Impériale

A renovação geral do Ritz deixou tudo mais leve e luminoso e menos claustrofóbico, porém sem perder a identidade, elegância e sofisticação tão características do hotel.

Nós nos apaixonamos pelo aparelhinho de chamar os serviços de quarto:

Botoeira de serviços de quarto

Leia também: Os bares do Hotel Ritz

Ritz Paris: 15 place Vendôme, 75001


hotel ritzAcesse o site Minha Viagem Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França