O castelo Chenonceau é considerado um dos mais bonitos châteaux do Vale do Loire.

O castelo Chenonceau é um monumento admirável, construído e administrado por mulheres e conhecido como o Château des Dames. Suas proprietárias foram Catherine de Médicis (viúva de Henri II), Diane de Poitiers (amante do rei Henri II), Louise Dupin (recebia no castelo toda a elite intelectual do século 18), Simone Menier (transformou duas galerias do castelo em hospital para os feridos da guerra 1914).

Castelo Chenonceau, interior

Tendo sido preservado de conflitos e guerras, Chenonceau é decorado com raras tapessarias, pinturas e móveis antigas. Ele é privado e pertence à família Menier (dos chocolates Menier, hoje propriedade da Nestlé).

Castelo Chenonceau

Chenonceau encontrou sua inspiração na ponte Vecchio de Florença. Por isso sua localização excepcional atravessando o rio Cher. O castelo possui uma harmonia perfeita entre a natureza e uma arquitetura única e admirada pelo mundo todo.

Ele está construído dentro de uma imensa área e a visita do castelo, jardins e parque pode durar o dia todo.

Castelo Chenonceau e seus jardins

Não deixe de admirar o Jardim Catherine de Médicis e o Jardim Diane de Poitiers. Todos os dois são exemplos da arte paisagística do Renascimento.

Castelo Chenonceau, labirinto

Admirável também o labirinto italiano, situado no interior de um bosque.

Chenonceau cultiva a arte dos buquês. Todas as peças do castelos são decoradas com imensos bouquets montados, pelos floristas, com as flores colhidas nas reservas do parque.

Castelo Chenonceau. Sef Service

O castelo possui três restaurantes. Um gastronômico chamado Orangerie; um self agradável, sobretudo na primavera e no verão com suas mesas externas; e uma creperie. Os visitantes, se desejarem, podem fazer piquenique no parque do castelo. Duas “áreas pic nic” estão à disposição de todos, sendo uma delas coberta.

O castelo é visitado durante o dia. Mas no verão, os jardins podem ser visitados durante a noite. A visita dos canteiros iluminados é acompanhada pela música de Arcangelo Corelli, mestre do classicismo italiano.

De uma maneira geral, a visita de Chenonceau é feita rapidamente, dentro de um circuito dos principais castelos do Vale do Loire. Mas se você tiver tempo, conheça-o com mais calma.

Chegue em torno das 10h e visite o monumento orientado pelo folheto entregue na entrada. Ou então utilise o audioguia ou o Ipod encontrados na recepção. Em torno das 11h15, descubra a Galerie des Dômes e o Jardim Verde (Jardin Vert). A Galerie des Dômes se transformou em hospital militar durante a guerra de 1914/1918. Hoje é um espaço homenagem aos heróis. Meio dia, pausa almoço onde você decidir. Depois do almoço flane nos jardins Catherine ou Diane e caminhe até o labirinto.

Castelo Chenonceau

Como chegar

  • Trem: não existe trem direto de Paris até o castelo, pegue o trem até Amboise e de lá carro ou ônibus regional para Chenonceau. A viagem de trem até Amboise tem cerca de 1h20 de duração. Compre sua passagem antecipadamente – clique aqui – para garantir os melhores preços.
  • Carro: a viagem tem cerca de 2h30, passando por Orléans, Blois e outra cidades menores. Belo passeio pela região do Vale do Loire. Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França aqui.
  • Com carro e chofer: se quiser conforto e segurança escolha a opção ida e volta com carro e chofer brasileiro. A agência online Minha Viagem Paris oferece este passeio. Veja aqui.

Créditos fotos: IMAGEDE MARC


Castelo ChenonceauAcesse o site Minha Viagem Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.