Você é estudante e quer trabalhar em Paris?

Saiba que o trabalho estudantil é uma prática corrente na França. Na minha família francesa, os jovens começam a trabalhar nas férias de verão antes mesmo dos 18 anos. As estastísticas mostram que 13% dos estudantes que trabalham tem menos de 18 anos.

Qual a motivação? Ganhar dinheiro para as despesas extras, ter mais liberdade, adquirir prática de trabalho em grupo e de relação com hierarquia.

O sonho de todos é encontrar trabalho na área de estudo. Mas esta opção é impraticável quando o jovem se lança cedo no mercado do trabalho. Por isso, nas primeiras experiências, o trabalho estudantil está ligado à restauração, ao turismo, aos empregos domésticos.

(Um exemplo, o neto do meu marido dentro de dois anos será engenheiro especializado em resistência dos materiais. No retorno das férias deste último verão o re-encontramos como grande especialista na venda de queijos. Durante dois meses ele vendeu queijos na fromagerie de um grande supermercado. Para comprar o último modelo de um smartphone famoso, ele se privou do sol da Córsega.)

Para que o trabalho não interfira na qualidade dos estudos, ele é muito regulamentado. Os estudantes devem, de preferência, procurar trabalho perto da residência ou do local de estudos e não ultrapassar o limite de 8 horas semanais.

Onde os estudantes franceses procuram trabalho? Se quiser trabalhar aqui, siga o exemplo deles.

. No site do McDo.

. No site de Hôtellerie e Restauration (clique aqui) para trabalhar nos hotéis e restaurantes como bagagistas, ajudantes em geral, recepcionista, lavador de pratos, garçom. Os restaurantes procuram estudantes para substituirem os garçons de férias ou durante o fim de semana.

. No site dos parques de atrações: que tal trabalhar no Disney Paris (clique aqui) ou no Parque Astérix (clique aqui) ?

. Nos sites de baby sitting como Yoopies (clique aqui). Procure também no sites Babychou (clique aqui), Family Sphère (clique aqui), Kidizen (clique aqui). Se você falar inglês correntemente, tente o site Speaking Agency (clique aqui).

. Nos sites de aulas particulares. Se você for excelente em alguma área, matemática ou canto, por exemplo, coloque seu anúncio nos sites Superprof (clique aqui), Scolaridée (clique aqui), Acadomia (clique aqui). Tente também o site de cursos por webcam como o Livementor (clique aqui).

. Nos sites dos supermercados como Carrefour.

. No sites dos museus, cinemas, teatros e monumentos. Consultando diretamente os sites de cada um deles você pode encontrar trabalho. Verifique também no site Profilculture (clique aqui), especializado em trabalhos no setor cultural e artístico.

Boa sorte.