Sing

Singin’in the Rain

Após ter lido a crítica do jornal Le Figaro, volto a citar a comédia musical Singin’in the Rain.

Resumindo a crítica do jornalista  Thierry Hillériteau:

…não é fácil adaptar os grandes monstros sagrados de Hollywood e este filme culte é particularmente difícil. Apesar do risco de toda adaptação, desde 12 de março o teatro Châtelet – que deveria se chamar  Broadway sur Seine –  apresenta uma versão que é um encantamento absoluto.

O espetáculo é fabuloso por várias razões. Pela qualidade da distribuição: os atores/cantores/dançarinos escolhidos para substituirem Gene Kelly e Debbie Reynolds são excelentes. Mesmo os papéis secundários são magistrais.

Sing"

Adaptação do teatro Châtelet

Fabuloso porque o diretor, Robert Carsen, é genial na adaptação do filme dentro dos limites de um teatro. A cena mítica onde Don Lockwood dança na chuva é impressionante. Ver a chuva cair no palco do Châtelet é um instante de graça e de mágica.

E fabuloso, porque a Orchestre de Chambre de Paris é impecável.

Atualmente o espetáculo está completo. Mas ele retorna no fim do ano, do dia 30 de novembro até 15 de janeiro de 2016.

Se você está organizando suas férias em Paris nestas datas, reserve agora este espetáculo clicando aqui.

Foi o que acabei de fazer.

E mais, se for passar Natal e Reveillon em Paris esta é nossa primeira sugestão para o seu programa. Você pode ver este espetáculo dias 24, 25, 31 de dezembro 2015 e 1 de janeiro 2016.