Le Festin Nu

Le Festin Nu

Por Karen Goldman, chef responsável dos roteiros gastronômicos do Conexão Paris

Vai uma fritada de gafanhotos?

Se você conhece o México ou a Tailândia é possível que já tenha provado. O costume de comer insetos é antigo e difundido neste dois países. Aqui na França, jovens chefs começam a colocar algumas espécies no cardápio.

Se comer insetos pode parecer repugnante para muitos de nós, esta prática começa a ser adotada pelos chefs com novas receitas e formas de apresentação  Então, por que não dar uma chance?

Por que comer insetos?

Por que comer uns bichos feios se você pode comer um belo bife com fritas? Eu diria que além da experiência e do desafio ainda há uma outra boa razão: desde que bem preparados, os insetos têm um excelente valor nutricional e um sabor verdadeiramente interessante. Alguns têm gosto que lembram frango, outros, frutos do mar. Por vezes até avelã. As formigas que eu provei no 3 estrelas L’Astrance tinham gosto de citronela!
No fundo,  é mais a textura e aparência que podem chocar. Se você tiver um lado “verde” posso te lembrar que os insetos são uma bela alternativa para os custos e impactos ambientais da pecuária.  A produção de carne animal é um desastre ecológico e, com o crescimento da população, a demanda por proteína vai dobrar até 2050. Os insetos representam a opção proteína de um futuro bem próximo.

Ainda não está convencido?

Posso te oferecer mais uma informação. Olhe só, sem saber você já come cerca de 500g de insetos por ano, em pães, sucos e corantes de cor vermelha.

Onde comer?

No Brasil, além do restaurante do Alex Atala que serve (ou servia) as mesmas formigas comentadas acima, não conheço nenhum outro.

Aqui em Paris, o pioneiro e mais famoso é o Le Festin Nu onde podemos degustar gafanhoto grelhado, escorpiões secos e vermes da seda.

Para os corajosos, bons de garfo, segue o endereço:

Le Festin Nu, 10 Rue de la Fontaine du But, 75018 Paris.

Outra escolha seria o Chez Mushi, um restaurante japonês que propõe, além das receitas habituais da gastronomia do Japão, pratos como escorpiões com amêndoas, makis de gafanhotos, borboletas cozidas ao vapor, e fondant com geléia real e abelhas.

Chez Mushi, 19 rue de l’Étoile 75017, Paris.

 

Leia aqui a proposta da Karen e seu roteiro dos principais produtos da gastronomia francesa.

Créditos foto: RTL.fr

 


França Entre Amigos oferece transfers, traslados e passeios privativos de carro com motorista brasileiro por Paris e pela França.

No site Booking você reserva hotéis com segurança e tranquilidade e tem a possibilidade de cancelamento sem cobrança de taxas.

Pesquise horários de trens e preços de passagens e compre a sua com antecedência para garantir os melhores preços.

No site Seguros Promo você compara os preços de várias empresas seguradoras e contrata online o seu seguro de viagem.

Obtenha o orçamento das principais locadoras de carro na França e faça sua reserva para garantir seu carro na Rentcars.

Veja as melhores ofertas de passagens aéreas da Air France.