Recebi o email abaixo com o relato da leitora Mariana e achei que valia a pena publica-lo.

Meu nome é Mariana e no inicio do ano passado recebi um desafio de um amigo: posso visitar Paris com cadeira de rodas?

Este meu amigo sofreu um acidente e hoje é tetraplégico.

Como conseguir um motorista com carro adapatado aos cadeirantes?  Onde se hospedar? Quais passeios adaptados aos tetraplégicos?

Com a ajuda do blog Conexão Paris criamos um roteiro só para esta viagem.

O grande desafio era a cadeira motorizada que pesa quase 200 kilos e que não pode ser manipulada como um carrinho de bebê. O que fazer diante de degraus? E nos carros/táxis, metros e ônibus? Como colocar a cadeira dentro de um carro se ela não pode ser dobrada?

Encontrei no Conexão Paris a indicação de motoristas e entrei em contato com várias equipes, mas o Luiz Antonio foi o mais rápido e “abraçou a causa”.

Mais do que fazer o traslado, mais do que indicar passeios, o Luiz Antonio foi parceiro, amigo e entendeu a importância da viagem.

Luiz entendeu que o Rica (meu amigo) queria ir ao Mont Saint Michel mesmo parecendo improvável! E o levou ele lá!

Ajudou a verificar se o apartamento alugado tinha acesso para a cadeira de rodas, indicou passeios bacanas e o fez conhecer Bruges!

Custa caro? Custa! Mas ir até Paris e entrar numa fria sairia mais caro.

Obrigada Luiz.

Para contratar o Luiz entre em contato pelo email: vendas@minhaviagemparis.com.br

 

MinhaViagemParis1Acesse nosso novo site Minha Viagem Paris para descobrir e reservar passeios incríveis em Paris e no interior da França.