A receita é da nossa chefe Helena Bäuerlein, que se esconde nesta foto minúscula que enviou.

Trata-se de um diablotin aux fraises, leve e apropriado para o nosso Natal tropical.

Vamos começar pela Montagem.

Disponha no fundo de um aro (de 18 cm de diâmetro e 5 de altura), um disco de génoise (nosso pão de ló) e regue com uma cauda da sua preferência. Salpique os morangos picados (ou framboesas); cubra com o creme pâtissière. Disponha outro disco de génoise regado e leve à geladeira por 8 horas no mínimo.

Decore com merengue italiano ou creme chantilly e morangos. Eu usei merengue italiano e “queimei” com o maçarico. Com chantilly fica igualmente lindo.

Para a génoise usem a receita de pão de ló preferida de vocês.

Creme pâtissière: 1 litro de leite, 110 g de açúcar (50+60), 1 pitada de sal, 1 fava de baunilha ( ou açúcar de baunilha ou essência), 140 g de gemas de ovos (7 ovos), 70 g de amido de milho, 100 g de manteiga. Ferva o leite com 50 g de açúcar, o sal e a baunilha. À parte bata as gemas com as 60 g restantes de açúcar e o amido de milho. Misture as duas massas, fora do fogo, mexa e retorne ao fogo por mais 3 minutos. Fora do fogo incorpore a manteiga e deixe esfriar.

Creme à diablotin: 500 g de creme pâtissière, 12 g de gelatina em pó sem sabor incolor, 250 g de creme chantilly batido em ponto leve. Hidrate e dissolva a gelatina no micro por 20 minutos. Incorpore-a ao creme patissière e depois, delicadamente, ao creme chantilly.

Monte a sobremesa conforme explicado acima. Qualquer dúvida, Helena está à disposição e deseja, a todos vocês, um feliz Natal.