Pontos turísticos, monumentos e passeios em Paris | Conexão Paris

O que é o bairro Bastille

O que é o bairro Bastille

Vista da Bastille. Porto Fluvial de Paris

Vista da Bastille. Porto Fluvial de Paris

Bastille é um nome hiper conhecido dos turistas e por isso mesmo sentimos a necessidade de detalhar para vocês o que este termo descreve. Bastille é uma praça e ao mesmo tempo faz referência à uma grande região parisiense que engloba várias subregiões.

1 – Carecterísticas gerais

. Nestes últimos anos a Bastille mudou muito. Cada vez mais fashion, mas ainda popular. Cada vez mais conhecida e chic, mas ainda reduto de parisienses sem fortuna. Cada vez mais internacional, sobretudo após o triste evento “Je suis Charlie”, mas sem perder seu caráter. Cada vez mais gastronômica com novos endereços na crista da onda, mas guardando ainda pequenos bistrôs bem franceses.

. A região Bastille se encontra na nossa classificação dos bairros de Paris. Nós a incluímos na categoria área intermediária. Nossa classificação tem por objetivo ajudá-los na questão “onde se hospedar”. A área intermediária reagrupa as regiões que possuem uma mistura de vida turística e vida local. O legal de se hospedar nelas é poder viver um pouco da vida de bairro. Se vocês forem um pouquinho animados poderão ir a pé até a maior parte dos pontos turísticos, caso contrário terão que usar o metrô (leiam nossa classificação aqui).

Estação Bastille

Estação Bastille

. Em termos de meios de transporte, a Bastille é muito bem posicionada. O bairro está situado entre duas grandes estações de metrô – République e Bastille – e é servido por 5 linhas  –  1, 3, 5, 8, 9 – que se cruzam nestas duas estações. Na lista das grandes estações abertas a noite toda para o réveillon, Bastille e République estão entre elas.

. Bastille é sem dúvida um bairro símbolo de Paris e contribui para caracterizar a cidade. No filme Paris Je t’aime, que retraça Paris através do olhar de vários diretores, a Bastille é descrita por Isabel Coixet e se situa no mesmo pé de igualdade com Montmartre, Pigalle, Tour Eiffel, Quartier Latin e outros.

2 – Características históricas e particulares

Quando dizemos Bastille estamos nos referindo ao 11ème distrito de Paris e também à Praça Bastille, o ponto de referência de toda a área.

Desfile

Desfile Techno Parade

. A Praça Bastille é símbolo da esquerda francesa. É desta praça que saem todos os movimentos sindicais, sobretudo os desfiles do 1° de maio; é nela que são organizados, pela prefeitura da cidade, os bailes populares do calendário francês como o baile do 14 de julho; ela é o ponto de partida de várias práticas ou manifestações sociais como o passeio semanal dos clubes de rollers, das manifestações gays e do desfile chamado Techno Parade cujo objetivo é reivindicar a existência da cultura eletrônica.

A Colonne da Bastille

A Colonne da Bastille

. A praça Bastille possui dois monumentos parisienses.

A Colonne de Juillet situada no seu centro da praça. Lá estão enterrados alguns combatentes patrióticos e algumas múmias egípcias perdidas na Europa (leiam aqui).

Mel Operas de Paris

Mel Operas de Paris

E a Opéra Bastille, uma obra construída durante o mandato de Mitterand. Esta ópera possui uma excelente acústica e um dispositivo de tradução simultânea projetado em uma tela colocada ao lado do palco. Este dispositivo é essencial para a compreensão dos espetáculos. Em artigos sobre a Paris ideal, os jornalistas franceses costumam classificar a Opéra Bastille na lista “monumentos horrendos que deveriam ser destruídos”. Esqueçam o lado estético e entrem na loja da Opéra. Lá encontraram um potinho de mel das colméias situadas nos telhados das Opéras de Paris. Uma lembrança da cidade para os amigos.

Brasserie Bofinger

Brasserie Bofinger

. A praça Bastille possui inúmeros restaurantes e brasseries. Mas nós preferimos os endereços que se encontram não na praça mesmo, mas em uma pequena rua colada à praça e que se chama Rue de la Bastille. Entre eles sugerimos a Brasserie Bofinger, o mais antigo bar-brasserie de Paris, com uma maravilhosa cúpula decorada. 5 rue de la Bastille.

Restaurante Septime. Foto Le Fooding.com

Restaurante Septime. Foto Le Fooding.com

. O bairro Bastille, o 11ème distrito de Paris, possui um grande atrativo, a oferta variada de restaurantes de qualidade, de bares animados e uma vida noturna jovem e boêmia. Grande parte dos novos e hypados restaurantes gastronômicos de chefes jovens e pouco conhecidos estão nesta região. Eles coexistem com bistrôs antigos e tradicionais que ainda hoje atraem turistas e locais. O mais famoso desses novos restaurantes gastronômicos é o Septime, dono de uma estrela Michelin e preferido de Beyoncé. Apesar de toda fama e glória, sua decoração, ambience e staff são descontraídos e simples. Tradução perfeita do que o 11° arrondissement é hoje: cool sem ser blasé, antenado sem ser esnobe (leiam aqui todas as dicas deste bairro).

. O bairro Bastille possui também outros atrativos:

Feira da Richard Lenoir

Feira da Richard Lenoir

.. a famosa feira do boulevard Richard Lenoir que funciona todas quintas e domingos das 7h até 13h e vende produtos extraordinários (leiam aqui).

Mercado Aligre

Mercado Aligre

.. o Mercado Aligre, na realidade um mercado coberto chamado Marché Beauvau, situado na praça Aligre; o mercado Aligre é também uma feira ao ar livre com barraquinhas na rua e praça Aligre e barraquinhas de antiguidades/brechós ocupando a parte central da praça. E em torno da praça e ruas adjacentes temos vários bares e restaurantes simpáticos (leiam nosso artigo sobre o Mercado aqui).

Porto fluvial de Paris

Porto fluvial de Paris

.. O Porto Fluvial de Paris de onde saem os passeios de barco pelo Canal Saint Martin. Nos dias ensolarados, o café e os jardins desta marina são agradáveis e merecem a visita. E se você nunca ouviu falar nos passeios de barco pelo canal, leiam nosso artigo aqui.

Hotel des Metallos

Hotel des Metallos

.. O bairro possui hotéis mais baratos que os situados em regiões mais centrais e mais nobres. Entre eles já citamos o Bastille Hostel, um albergue com quartos privativos e comuns (leiam aqui), Hotel de Metallos, um duas estrelas com quartos pequenos mas limpos e corretos (leiam aqui), Campanile Bastille, com quarto pequeno, limpo, cama confortável, atendimento cordial e excelente café da manhã (leiam aqui), Hotel Albergue Flora, um 3 estrelas onde o hóspede se sente à vontade, como se estivesse em casa (vejam aqui).

Promenade Plantée

Promenade Plantée. Foto Ricardo Nonato

.. O bairro possui também a Promenade Plantée e o Viaduc des Arts. Atrás da Opéra se encontra um jardim suspenso de 4.5 km e chamado Promenade Plantée. Abaixo deste jardim, no nível da rua, temos uma série de lojas ocupadas por atividades ligadas ao artesanato francês. As lojas e o jardim estão localizadas em antiga linha férrea restauradas e reocupadas desta forma. O Viaduc des Arts não se tornou o sucesso esperado, mas oferece à população um local para atividades esportivas com a Promenade Plantée (leiam artigo aqui).

Resumindo, Bastille é um bairro agradável, jovem, bem parisiense. Pense nisto quanto for escolher seu hotel.

O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.
Últimos pitacos (3/12), ver todos os comentários
  • "Também já me hospedei por lá, tanto na Bastil ..."

    Neftalí
  • "Já me hospedei na região e, confesso, apesar ..."

    Jorge fortunato
  • "Amei o post!! quando fui a primeira vez a Par ..."

    Júlia Mano
Deixe seu pitaco

Arquitetura contemporânea em Paris

Por Rodrigo Lavalle Paris é uma cidade mais conhecida por seus prédios de estilo haussmanniano do que por sua arquitetura contemporânea. Esse conjunto perfeito e uniforme de edifícios beges de 6 andares está no imaginário de todos e é ele que os turistas buscam quando visitam a cidade. Espera-se vanguardismos arquitetônicos de cidades como Nova York, Londres e […]

Leia mais →

O grande sonho de conhecer Paris

Recentemente, Zildinha Figueiredo teve uma das experiências mais gratificantes de sua longa trajetória como guia em Paris: a de apresentar Paris e seus museus ao massoterapeuta Michel Kallas, que é deficiente visual. Zildinha me ligou emocionada para contar a experiência.  Conversarmos com o Michel para saber como foi sua viagem a Paris. Vejam abaixo seu depoimento, tão […]

Leia mais →

5 dicas para apreciar o por do sol em Paris

Uma das coisas boas do verão em Paris – além do calor – é a grande quantidade de horas de luz do sol que há durante o dia. O astro-rei nasce bem cedo e se põe bem tarde e, quando isso acontece, é um momento mágico no qual a cidade fica ainda mais linda e romântica. Algumas maneiras inesquecíveis de vivenciar o por […]

Leia mais →

O intrigante subsolo de Paris

Evandro Barreto, autor do livro Na Mesa Cabe o Mundo lançado pela Editora Conexão Paris, já chamou a atenção para o fato de que em Paris as pessoas que vêm de fora param para ver a Torre Eiffel e o Arco do Triunfo, as vitrines e os jardins, o rio e as pontes e que raramente se dão […]

Leia mais →
369 posts