As estações Châtelet e Châtelet Les Halles em Paris

A estação de metro Châtelet e a estação de RER Châtelet les Halles contam com 750.000 viajantes por dia.  As duas juntas representam uma das maiores estações subterrâneas do mundo em termos de números de trens e de viajantes. Elas se encontram no centro de Paris.

Na estação Châtelet passam 5 linhas de metro: 1, 4, 7, 11, 14. E na Châtelet Les Halles, 3 linhas de RER A, B, D.

A circulação dos usuários nestas duas estações não é fácil. Imagine o número de túneis necessários para interligar 8 linhas  de metro e RER.

Sempre que posso, evito Châtelet. Meu marido é mais radical ainda. Se a passagem por Châtelet é obrigatória ela muda de meio de transporte ou de programa. Sério.

Quando sou obrigada a enfrentar este mundo à parte me preparo meticulosamente.

Alguns conselhos:  se Châtelet for a sua estação de chegada, estude bem o google maps. Veja onde se encontra a sua rua e saiba se orientar.

Châtelet possui várias saídas e muitas vezes me encontrei no lado oposto ao desejado o que pode ser desagradável com chuva, com sacolas pesadas ou tarde da noite.

Antes de sair do metrô procure o mapa – veja acima – indicando todas as saídas. Ciente da localização do seu endereço, encontrar a saída correta ficará mais fácil.

Se você for obrigado a fazer uma correspondência em Châtelet, fique calmo. Ao calcular o tempo do transporte, dê um prazo a mais para se localizar no emaranhado dos túneis.

Todas as linhas estão indicadas pelo número e pela côr. Basta procurar com calma a sua correspondência.

Châtelet possui um tapete rolante para facilitar a vida dos usuários nos longos percursos.

E pense sempre na sua bolsa, nos bolsos e pertences. Os assaltos violentos são raros. Não se preocupe. Mas os furtos de bolsas e bolsos são corriqueiros. Eles acontecem nas saídas das escadas rolantes, nas saídas dos trens ou dentro dos vagões nas horas de pico. Fique atento, segure a bolsa, tire carteiras dos bolsos mais acessíveis e vá em frente.

Para tornar o quadro menos triste, é em Châtelet que encontramos os melhores músicos do metrô parisiense. Quando dou de cara com eles, paro, respiro fundo este pequeno momento de prazer e continuo meu caminho nos seus infernais corredores.


Leia também:

Publicidade

O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.

94 pitacos, participe desta conversa

  1. Morgana Miranda disse:

    Não achei Châtelet tão complicada… É grande, mas bem sinalizada. É até divertida

  2. Simone disse:

    Ai, fiquei assustada, pois vou ficar em hotel próximo a esta estação e terei que usá-la diariamente, inclusive a noite, voltando da Disney e com criança! Dessa estação para o Aeroporto Charles De Gaulle, vou pegar o RER B, peço o favor de informar qual o sentido e onde devo descer (vou pegar voo Air France p/Brasil) pois tem a parada Charles De Gaulle 1 e a 2 TGV. Obrigada.

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Simone, os voos da Air France com destino ao Brasil saem do aeroporto CDG do terminal 2, desça do RER B na estação Aéroport Charles de Gaulle 2 – TGV.
      Abraços.

  3. Fernando Fraga disse:

    Quanto exagero em relação à Chatelet. A estação é uma das poucas servidas com escadas rolantes. Muito bem sinalizada, não há problema algum em se chegar do CDG de RER por ela.

  4. Betânia disse:

    Oi Lina,
    Comentei em outro post que estarei em Paris em 23/10/14 e gostaria de saber como faço para ir à Disney de metrô, estarei no hotel Villa Luxembourg e a estação Vavin fica a alguns metros.Poderia me explicar como chegar?

    • Rodrigo Lavalle disse:

      Betânia, na estação Vavin pegue o metrô linha 4 (sentido Porte de Clignancourt) até a estação Châtelet – Les Halles. Lá pegue o trem RER A4 com destino final em ‘Marne La Vallée – Chessy’. Desça nessa estação e ande 5 minutos até a entrada da Disney.
      Abraços.

  5. […] As estações de metrô e RER Châtelet e Les Halles em Paris […]

  6. […] As estações de metrô e RER Châtelet e Les Halles em Paris […]

  7. […] As estações de metrô e RER Châtelet e Les Halles em Paris […]

  8. […] As estações de metrô e RER Châtelet e Les Halles em Paris […]

  9. […] As estações de metrô e RER Châtelet e Les Halles em Paris […]

  10. […] As estações de metrô e RER Châtelet e Les Halles em Paris […]

  11. […] estações Châtelet e Châtelet Les Halles, até já escremos artigo sobre, com alguns conselhos, leia aqui; (se inevitável, torço para encontrar bons […]

  12. patrjcia disse:

    Não vejo problemas com a Chatēlet, passei por ela essa semana inteira. O importante eh Paris.

  13. Mizia Camargo Ribeiro disse:

    por outro lado…. aos amantes das surpresas ocultas em pequenas ruas de Paris, recomendo justamente a minha estação de metrô preferida: CHATELÊT! Tem tantas saídas possíveis que se você estiver apenas passeando despreocupadamente, escolha uma e SAIA! a cada nova escolha um aspecto diferente a ser apreciado.

  14. Luana disse:

    Retornei agora de Paris e estava hospedada bem próximo à estação Les Halles e achei um privilegio ter a Chatelet tão próximo com todas as syas conexões. Foi a minha primeira vez em Paris e eu não falo francês e achei a estação bem sinalizada, bem melhor que as de Roma. Até para ir ao aeroporto, usamos a Les Halles e foi bem tranquilo. Concordo com a Jane Curiosa…

  15. Artur disse:

    Gente, que exagero.

  16. Leany Vilhena disse:

    Ótima dica! Obrigada! Ficarei atenta quando visitar novamente essa encantadora cidade!

  17. Eduardo Vieira. disse:

    Olha, eu também não gosto muito dessa estação, mas para quem fica hospedado no Quartier Latin ela é praticamente obrigatória, pois é onde a linha 4 cruza com a linha 1. Eu me acostumei a fazer as baldeações necessárias. O movimento e a sensação de insegurança realmente existem e são acima do que se espera em um turismo europeu, mas não é nada demais para quem já encarou a estação da central no Rio.

  18. Maria da Glória disse:

    Em questões de roubo, senti mais insegurança na Gare do Nord.

  19. ana disse:

    Piorou em cima tb, com a reforma do shopping que já dura mais de 2 anos!

  20. Séfora Leite disse:

    Ela é muito bem sinalizada e musicas Lindas sempre tem lá. Meu marido desenrolou rapidinho mas é claro que sempre que podíamos evitávamos e parávamos em outra mais próxima .

  21. Pedro Luis de Martini disse:

    Concordo com tudo que foi escrito, mas não posso deixar de admirar esta estação. Seja por sua condição tecnológica ou seja pelos seus préstimos para o serviço de transporte público de Paris. Talvez essa minha “queda” pela Châtelet seja por que na minha primeira vez em Paris (1997), fiquei hospedado a uma quadra da estação e tive que usá-la diariamente. Me acostumei e me apaixonei pela cidade…

  22. Herbert disse:

    Eu odeio Chatelet e evito tbm, concordo com vc Lina, é muito agitada e grande. Só ando em Chatelet se for o jeito. De dia, com relação aos furtos, é tranquilo, basta ter atenção que vc não será roubado. Mas a noite evite esta estação, pois vários guetos ficam alí dentro e deve acontecer tudo que não presta, se é que vcs me entendem. A primeira vez que andei em Chatelet de madrugada fiquei com medo. Depois disso, nunca mais…

  23. Mayra disse:

    Desculpa querida mas na minha opinião chatelêt não é tudo isso que foi dito em seu blog. Muito pelo contrário, a mesma é uma gare bem sinalizada e quanto a violência? Perigoso é o que vemos nos noticiários brasileiros.

  24. Clarissa BD disse:

    Fala sério! Coloque-me 500 vezes em quaisquer destas duas estações e serei muuuuuuito feliz!!!

  25. Cristina disse:

    Pode ser uma estação confusa mas realmente os músicos são incríveis. Até parei para dançar com a música de um grupo húngaro que sempre fica lá. Vale a parada. Nos divertimos muito.

  26. Victor disse:

    Achei um tanto quanto exagerada a matéria. Estive em Paris do dia 25/12 ao dia 09/01/14 e passei diversas vezes pelas duas estações com mala pesando 23kg, mochila, sacolas de compras e até de mãos vazias e não me perdi nem foi um caos. É mais complicado mesmo com malas no horário de pico mas nasa catastrófico alem de bem sinalizado e com funcionários da companhia de transporte para auxiliar quem precisar. Muito mais facil e tranquilo do que o metrô de São Paulo. Não tem empurra-empurra.

  27. marcelo disse:

    fui ao aeroporto e não tive problema. mala pequena e carteira e passaporte bem escondidos. abraço!

  28. Dora disse:

    Sempre que vou à Paris me hospedo na Rue du Louvre, que fica bem próximo à Chatelet Les Halles e confesso que uso-a sempre que necessito, pois tem acesso fácil o aeroporto. Uma dica é para quem não fala francês, deve antes informar-se qual a saída deve acessar. Nos dias de hoje acho meio difícil as pessoas sentirem tal dificuldade pois muitas pessoas na internet passam suas experiências e o google está aí para nos ajudar. Mesmo conhecendo Paris, todas as vezes que vou a um lugar novo procuro antes fazer minhas anotações de que metro devo tomar… ou qual a direção etc… fica fácil e você não precisa ficar demonstrando que é “turista” com aqueles famosos mapa nas mãos.
    Paris mudou muito nestes últimos anos, mas continua apaixonante como antes.

  29. Cristina disse:

    Com o app Guide Metro de Paris da Fogdens fica muito fácil!

  30. Jota Neto disse:

    Nada contra Châtelet e tudo contra o chato e desnecessário politicamente correto.

  31. Sue Ellen disse:

    Recentemente usei a estação no trajeto Aeroporto – Hotel e foi um caos.
    Mala pesada, muita gente, muitas escadas. Nesse caso é melhor buscar outro meio de transporte.

  32. france dias rocha disse:

    Oi Lina. descobri hoje um site da RATP transports à Paris que é bárbaro….vc coloca o local onde vc está, o destino pretendido e aparecem todas as opções de transporte públicos, com o itinerários, eventuais trocas de linha ( metro ou ônibus, etc), se quer andar mais ou menos ou se quer chegar mais rápido. é possível que vc já conheça, mas eu e mais um monte de pessoas não. Tudo de bom…

  33. Fábio Turque disse:

    Eu e minha familia estivemos em Paris em janeiro deste ano. Chegamos no dia 31/12/12. No CDG pegamos o RER com destino a estação Châtelet. Eu, Mirian, os meninos e malas. Confesso que foi complicado. Nosso apartamento ficava localizado perto da rue Rambuteau e tínhamos que ir com a linha 11 do Metro. Foi tenso andar pela estação super lotada carregado e cansados. Mas no final deu tudo certo graças a organização de Paris. Depois descobri que deveria ter evitado. Mas só indo a Paris para aprender. E afinal, estávamos em Paris!

  34. Paula disse:

    Lina, pretendo visitar a Villa Savoye de Le Corbusier em Poissy. As informações que encontrei dizem que devo pegar o RER A até Poissy e de lá um ônibus. Tenho que pegar o metrô até Chatelet e de lá pegar o RER? Estarei próxima ao jardim de Luxembourg. Por não estar dentro de Paris precisarei comprar algum bilhete especial? Obrigada

  35. Douglas disse:

    Ola,

    uma pergunta:
    uma estação tem acesso a outra por tuneis mesmo?
    ex: vou pegar a linha 4 em odeon e descer em Chatelet para pegar o RER A4 para Disney, faço isso por dentro de tuneis mesmo? Ou precisa sair na rua e ir ate a estação do RER?
    grato

    Douglas

  36. Marcia M Souza disse:

    Ja comprei seus livros.Esta é a terceira vez q vou a Paris.Fico num apê na Ile D S Louis.Vou chegar de Montpellier na Gare de Lion.É fácil ir de metro?e mais uma coisa ,onde compro Simcard p meu celular?
    Bjs e parabens pelo site,.bjs Marcia

  37. Vanessa disse:

    * Adriana Pessoa – consegui imprimir o mapa, obrigada !
    * Aurea Costa – acessei o site da ratp, bastante útil !! obrigada !
    Me desculpem a demora a responder, não conseguia lembrar em qual post eu tinha deixado meu comentário, leio tantos, vejo tantas informações ! rsrs. Agora me achei, ufa !
    Bom que há tempo, uma vez que só chego em Paris dia 2 de junho…
    Abraços ! Vanessa

  38. Ilana disse:

    Em 2008, usei e abusei da Chatelet. Achei a estação super sinalizada e sinceramente nao encontrei dificuldade alguma em achar saídas. E olhe que foi a primeira vez na vida que usei metrô, ja que antes morava numa cidade que so tinha ônibus como transporte publico.
    Nao há essa dificuldade toda. So é preciso tomar muito cuidado mesmo com as bolsas.

  39. Cris disse:

    Chegarei por esta estação, pois estarei hospedada na Rue de Bourdonnais. Com essa dica, ficarei mais esperta em relação a carteira, mas quem vive no Rio de Janeiro, já deve ser PHD em roubada!

  40. Regina Vasconcelos disse:

    Eu já não ando praticamente nunca de metro, dessas duas eu FUJO!!!

  41. SergioA disse:

    Estive em Junho Passado pela primeira vez em Paris com minha esposa Fanny. Ficamos a 50 metros de uma entrada para a Gare Montparnasse. Foi divertido tentar encontrar a escada certa próxima ao Hotel Íbis, mas rimos até hoe de só na última tentativa, depois de 5 dias, é que conseguimos sair certo. Na primeira foram 30 minutos dando a volta na galeria/terminal!

  42. Fabio disse:

    Brasileiro se queixando de segurança em paris é uma piada pronta. Me hospedei no novotel les halles em 2012. Peguei metrô. E querem saber: hony soit qui mal y pense. Um pouquinho de liberalismo e menos discriminação a todos. E menos lojinhas.

  43. Eddie disse:

    IMHO, politicamente correto é sinônimo de hipocrisia e nada tem a ver com bom senso, como alguém parece ter sugerido alguns posts atrás.

    Se fosse para partir sempre deste “princípio”, em pouco tempo o Conexão Paris teria que criar uma cota para… bom, deixa quieto.

    Como diz um conhecido meu: “o mundo está ficando chato”.

  44. Denise disse:

    Jane Curiosa
    Perfeita sua analise , e adorei a palavra pertinacia ! Ou sera que tambem nao podemos usa – la ?
    Racismo no Brasil nunca vai acabar , pois meu marido e negro ( pardo ) e eu sou branca , ja nem sei mais como se fala atualmente , somos medicos e quando vamos a algum shopping de luxo aqui no Rio de Janeiro , notamos algumas vezes que nos olham atravessado , naturalmente pensando que ele e jogador de futebol ou cantor de pagode . Kkkkkk . Ah , so mais um comentario , ele acha esse tal de politicamente correto uma bobagem . E vive La France !

  45. Lina disse:

    Angela
    Você já foi muito bem informada, Saint Michel é menor. Não se preocupe.

  46. Lina disse:

    Eymard
    Às vezes um comentário é engolido pela anti spam. Deve ter acontecido isto com o seu.

Próximos 44 comentários Aguarde, carregando novos comentários

Participe e deixe seu comentário

Seu comentário pode demorar alguns minutos para aparecer no blog.