Detalhes da Notre Dame de Paris

Na fachada oeste da catedral de Notre Dame de Paris, a vinte metros do solo, se encontra uma série de vinte e oito personagens representando os reis da Judéia antes de Cristo. Cada estátua mede 3.50 de altura.

Em 1793 , durante a Revolução Francesa, todas estas estátuas foram decapitadas . Os revolucionários confundiram os reis da Judéia com os reis da França. Mais tarde as cabeças  foram redesenhadas e reconstruidas.

Em 1977, durante reformas e construção de um banco na rue Chausée d’Antin – perto da Galeria Lafayette –  os operários descobriram 21 cabeças, as originais.

Hoje, estas cabeças podem ser vistas no Musée National du Moyen Âge de Cluny.


Fotos: Augusto Takaschima e família.

www.musee-moyenage.fr

Você pode comprar ingressos para visitar as torres da Notre Dame  aqui no conexão Paris, em nossa lojinha. Evite filas no local.

Leia também:

Publicidade

O conteúdo deste post foi decidido pela equipe editorial do Conexão Paris, tendo como critério a relevância do assunto para nossos leitores, não havendo nenhum vínculo comercial com qualquer empresa ou serviço citado no texto. Não recebemos qualquer tipo de remuneração pela escrita e publicação deste texto. Conheça a política de remuneração do Conexão Paris.

65 pitacos, participe desta conversa

  1. Maria Lina Carvalho disse:

    E (ainda quanto à missa gregoriana aos domingos, na Notre-Dame) é só chegar na igreja e entrar, ou teria uma “lista de espera” algo assim? Sei que é meio absurdo perguntar isso, mas é que não queria perder por nada. rs

    • Lina disse:

      Maria Lina
      Chegue um pouco mais cedo, para conseguir lugar. Basta entrar. Tem missa gregoriana quase todos os domingos. Mas seria mais seguro se consultasse o site da Notre Dame. Você pode visitar Versailles em meio dia. Fica um pouco corrido, mas dá para fazer.

  2. Maria Lina Carvalho disse:

    Oi Lina, desculpe tantas perguntas. Todos os domingos tem missa gregoriana em Notre-Dame? Após a missa daria tempo de esticar até Versailles? Ou seria necessário um dia inteiro para aproveitar bem o castelo etc? Grata mais uma vez! E parabéns pela nova edição do Guia, o meu já chegou e adorei! Dia 9 de set, Paris! Lua de mel.

  3. João Gabriel Pessoa disse:

    Lina,
    estou iniciando meus estudos sobre a Revolução Francesa no Colégio Loyola, minha escola em BH, e vou utilizar este post.
    Obrigado

  4. Tatyana Mabel disse:

    Amigos do Conexão Paris,

    Quantos relatos maravilhosos! Terei o prazer de voltar à Paris em jan/2011 pela 2a vez. Levarei minha irmã que fará sua 1a viagem à Europa. Quando fui a 1a vez, passei quase 20 dias. Dessa vez, ficaremos apenas 5 dias e teremos a missão de “apresentar” Paris à minha irmã. Tá difícil fazer uma seleção e cortar coisas da lista. Mas, em se tratando de igrejas: quero conhecer a da St Germain (qndo fui tava em reforma); voltar à Notre Dame; e à Saint Chapelle (de tirar o fôlego!). Mais alguma dica?????

    KATYA,
    Tive uma sensação parecida com a sua na Basília de São Pedro-Vaticano. Ao entrar, fui direto p/ La Pietá e não conseguia mais sair de frente.

    Abraços

  5. SILVIA disse:

    Olá a todos!
    Acabei de chegar de Paris e adorei a catedral Notre Dame, é linda e impressiona quando o nosso olhar cai sobre ela pela primeira vez.
    Já agora gostaria de falar sobre uma igreja lindíssima em Saint Germain ,que se chama SANTA CLOTILDE, adorei os seus vitrais,para quem puder, não deixem de visitar porque vale muito a pena.
    Abraços

  6. Cristiane AM disse:

    Beth,

    nossa, deve ter sido fantástico! Não é a toa q Paul Claudel se converteu alí, na Notre Dame, ao entrar e ouvir as músicas… quem olhar para o chão verá a placa que assinala esse fato, gravado com letras de bronze…

  7. Beth disse:

    Cristane
    Obrigada!
    Eu já assisti uma Missa do Galo na Notre Dame realmente inesquecível.

  8. Cristiane AM disse:

    Elizabeth e Helena,

    Se quiserem ver a programação musical na Notre Dame: http://www.notredamedeparis.fr

    Dica: fui a um concerto em maio e achei que valeu à pena reservar ingressos via internet, a ClassicTic deixa uma área reservada bem lá na frente do altar, e como não tem cadeira numerada isso acaba sendo um conforto a mais e um stress a menos…

  9. Cristiane AM disse:

    Eymard,

    Eu, que nunca fui muito de “estudar” história, mas a-do-ro viajar para “ver” a história; assim acabo estudando antes, durante e depois da viagem, e qdo volto, nossa, aumenta meu interesse pela história do meu próprio país!

    Basta passear um pouco por lá, se perguntando o “porquê” das coisas (pq estes tímpanos foram destruídos? pq este mosteiro virou um museu? como estas peças vieram parar nesse museu? etc.), ler os folhetinhos de cada lugar com um pouquinho de atenção, e tanta história surge aos nossos olhos…

    Como disse um escritor brasileiro (guimarães rosa?): o que trazemos de uma viagem não são apenas as lembranças e belas paisagens , mas as respostas que encontramos para as nossas perguntas!

    Fui ao museu Cluny este ano especialmente para ver as “cabeças”… e depois a Cluny mesmo, na Borgonha, ver as ruínas da Igreja destruída na revolução. Impressiona e faz refletir…

    Parabéns pelo post Llina! Senpre informando, instigando e enriquecendo seus leitores….

  10. Montenegro disse:

    Cláudia Oiticica, merci!
    Musée Cluny = Metro Cluny, não dá pra errar

  11. Helena Bauerlein disse:

    Oi gente !
    Tenho trabalhado tanto que não tem dado para pitacar no aqui.
    Quando entro , fico com votade de ficar horas lendo tudo, e esqueço do dever !
    Amei esse post. É sempre um prazer ver, entrar, rezar em Notre Dame !
    Acho que a catedral de Reims, tanbém no estilo gótico, seja mais bonita.
    Mas não fica em Paris !
    Quando aí morei, o programa de domingo à tarde era ir aos concertos de música clássica, na igreja .
    Eles ainda acontecem, Lina ?

  12. Jose Mauricio disse:

    Mariana: Ninguém sabe quantos museus existem em Paris porque até acabar a contagem, já criaram mais museus…Brincadeirinha!!!
    Mas não se preocupe, não vai dar tempo de ver todos mesmo…

  13. Kika Mello disse:

    Cláudia Oiticica

    eu tive a mesmíssima sensação de estranheza ao ver a foto. Pensei: delirei? Não vi antes e estava ali o tempo todo?! Estarei louca? (rs)
    Enigma resolvido.

  14. Cláudia Oiticica disse:

    Ah!!, Lina. Ainda bem! Menos mal,rrss.

Próximos 20 comentários Aguarde, carregando novos comentários

Participe e deixe seu comentário

Seu comentário pode demorar alguns minutos para aparecer no blog.